25 de abril de 2018
Mercado futuro
29 de março de 2018 - 16:53

Divulgação dos resultados da indústria frigorífica

Acompanhar os dados financeiros das empresas com quem negocia pode ser importante para o pecuarista

Leandro Bovo

No mercado físico do boi gordo, a queda de braço continua grande entre indústria e produtores, porém, nas últimas semanas a dificuldade de venda da carne no mercado interno tem levado a indústria a aumentar a resistência por pagamentos acima da referência e aos poucos as negociações nos patamares de preços inferiores têm aumentado.

Os preços baixíssimos da carne de frango e suína ofertados no varejo tem gerado uma concorrência “desleal” para a carne bovina na disputa pelo bolso do consumidor e, infelizmente, essa situação tende a persistir nas próximas semanas até que todo o direcionamento da exportação para o mercado interno tenha sido consumido. Até agora somente a exportação tem nos dados boas notícias pelo lado da demanda, com os números de março apontando para mais um mês com crescimento na ordem de 20% no volume embarcado.

Deixando de lado um pouco os fundamentos de oferta e demanda do mercado pecuário, eu gostaria de chamar atenção nesse espaço para a importância da análise dos balanços trimestrais das empresas de capital aberto do setor de proteína animal na B3. Para quem não sabe, as empresas que possuem ações negociadas na B3 (antiga BMF Bovespa) são obrigadas a divulgar ao mercado seu balanço a cada trimestre, auditado por uma empresa de auditoria independente. Nesses balanços o volume de informações divulgados é enorme e ter a disciplina de ler pelo menos os destaques de cada balanço traz sempre insights importantes.

Muitos bancos, corretoras ou empresas independentes de análise divulgam relatórios com suas opiniões a respeito dos resultados, além de sua expectativa para o preço da ação no futuro. Esses relatórios são em sua grande maioria restritos a clientes e/ou assinantes de seus serviços, porém mesmo quem não tem acesso a esse tipo de relatório e não é um expert em análise financeira pode tirar informações importantes sobre a situação da empresa, tais como: resultado líquido, margem operacional, endividamento e perfil do endividamento, caixa disponível, citando apenas algumas mais importantes. Para quem tem mais tempo disponível, é possível inclusive participar das chamadas “conference calls” onde os analistas das instituições financeiras questionam os executivos da empresa a respeito dos resultados e de sua estratégia para o futuro.

Para o pecuarista, obviamente as ações mais importantes a serem acompanhadas são as dos frigoríficos de carne bovina com capital aberto, ou seja, JBS, Marfrig e Minerva e seus resultados podem ser acessados em seus respectivos sites na área de relação com investidores. Umas das grandes reclamações dos pecuaristas com relação à indústria sempre foi a dificuldade em se acessar os dados financeiros dos seus parceiros comerciais, e agora que esses valores são divulgados a cada trimestre muita gente nem sabia que era possível ter acesso a esses dados. Os resultados do 4º trimestre juntamente com o consolidado de 2017 dessas indústrias já foram todos divulgados, vale a pena dar uma olhada.

Scot Consultoria

Comentário