22 de janeiro de 2017
Corte
2 de janeiro de 2017 - 17:14

Mercado de sebo fecha 2016 em alta

A oferta restrita de gordura animal e a alta demanda pelo produto contribuíram para esse cenário

O mercado do sebo fechou 2016 com preços em alta, segundo levantamento da Scot Consultoria. A oferta restrita da gordura animal e a alta demanda pelo produto contribuíram para esse cenário.

Segundo a Scot, no Sudeste e Centro-Oeste, o sebo está cotado em R$ 2,60/kg nesta semana. Na comparação com igual período do ano anterior, houve alta de 18,2%.

Ainda de acordo com a análise, a valorização do óleo de soja no mercado brasileiro é outro fator que ajudou a elevar o preço do sebo, uma vez que o derivado bovino é utilizado como alternativa ao óleo de soja na produção do biodiesel.

Para 2017, a perspectiva da Scot é de que a oferta de sebo bovino aumente, o que pode levar a um recuo nos preços do produto. "Contudo, a demanda deve continuar firme e limitar as desvalorizações", afirma a consultoria.

Fonte: ESTADÃO CONTEÚDO

Comentário