27 de junho de 2017
Delação da JBS
18 de maio de 2017 - 13:22

"Política não deve afetar venda de carne"

Maggi afirma que delação da JBS não deve abalar a empresa, se ela mantiver a qualidade dos produtos

Em viagem ao Oriente Médio para reabrir mercados à carne brasileira o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, disse nesta quinta-feira, 18 de maio, que a política não deve atrapalhar as transações da JBS, "se eles tiverem produtos". Ele comentou, porém, que as notícias sobre a delação do dono do frigorífico, Joesley Batista, implicando o presidente Michel Temer, ainda não chegaram à Arábia Saudita, onde se encontra o ministro.

Segundo Maggi, os compradores de carne brasileira têm total atenção sobre a atitude dos produtores. "Vão continuar a entregar matérias primas para eles na confiança? É assim que este negócio funciona. Você vende e recebe depois de 20 a 30 dias", explicou.

Maggi iniciou na semana passada um giro por países do Oriente Médio para reafirmar a qualidade da carne brasileira, após as dúvidas lançadas pela operação Carne Fraca, da Polícia Federal.

Fonte: ESTADÃO CONTEÚDO

Comentário

Newsletter DBO