Abertas as inscrições para a terceira prova Top Brangus

Os testes terão duração de 91 dias e serão realizados na Estação Experimental Agronômica da UFRGS, em Eldorado do Sul, RS

A Associação Brasileira de Brangus (ABB) e a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) promovem no final do primeiro semestre deste ano a terceira prova Top Brangus UFRGS.

Os testes terão duração de 91 dias e serão realizados na Estação Experimental Agronômica da UFRGS, em Eldorado do Sul (RS). A entrada dos animais está prevista para o dia 30 de junho. Podem participar da prova machos nascidos entre 1º de agosto e 30 de outubro de 2020.

As inscrições podem ser realizadas pelo e-mail [email protected] O valor é de R$ 2.400 (50% no início da prova e o restante no meio da prova). A ABB dá um subsídio de R$ 300 por animal para o custo do frete até a Estação Experimental Agronômica da UFRGS.

De acordo com informações da assessoria de comunicação da ABB, o teste tem como objetivo medir a eficiência alimentar e também analisar o ganho de peso, as características de carcaça avaliadas por ultrassom e o perímetro escrotal dos animais. Ao final, é gerado um Índice (TOP Brangus) com ponderações de todas essas medições.

A avaliação é coordenada pelo professor doutor Jaime Urdapilleta Tarouco, profissional de referência internacional em avaliação de carcaça por ultrassom e maior autoridade brasileira nesse tema.

A intenção da prova é ranquear os animais mais bem avaliados e com características produtivas e equilibradas que o mercado da pecuária de corte busca, conforme o presidente do Conselho Deliberativo Técnico da ABB, Antônio Carlos Corrêa Osório.

“A eficiência alimentar não deve ser medida de forma isolada, mas junto com outras características de produção, como qualidade da carcaça, ganho de peso e fertilidade”, sublinha.

Osório salienta que, no Brasil, as principais centrais de inseminação já estão buscando animais avaliados com essa nova ferramenta de seleção.

“Dois touros que participaram da segunda TOP Brangus [um da São Xavier, de Tupanciretã, e outro, da Brangus Paipasso] foram contratados por centrais de inseminação”, ressalta o dirigente da ABB.

A Estação Experimental Agronômica da UFRGS tem capacidade para receber 32 animais. “As inscrições estão abertas e podem participar da prova criatórios de todas as regiões do País”, observa Osório, que lembra que uma prova semelhante está sendo realizada em Campo Grande, MS. “A ABB entende que os testes realizados no Rio Grande do Sul contemplam os Estados da Região Sul e os do Mato Grosso do Sul atendem o Brasil Central e a Região Sudeste”.

Fonte: Ascom ABB

Fique por dentro das novidades envolvendo bovinos de corte e leite em Raças

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Revista DBO: Comida feita em casa

VEJA os destaques da edição de maio e o especial Instalações e Equipamentos; na capa, a alta nos custos da nutrição incentivam pecuaristas para investimentos em fábrica de ração

Revista DBO: Comida feita em casa

VEJA os destaques da edição de maio e o especial Instalações e Equipamentos; na capa, a alta nos custos da nutrição incentivam pecuaristas para investimentos em fábrica de ração

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.