As tarefas do produtor de leite ao longo do ano

O planejamento criterioso das atividades é a ferramenta de gestão mais importante para o sucesso da pecuária leiteira

Embora os períodos de cada atividade variem conforme a região, esse roteiro elaborado pela Cooperideal ajuda o produtor de leite a se programar e planejar as tarefas mês a mês, adequando o calendário de acordo com a localização da sua propriedade. Veja:

 • Outubro: Primeiras chuvas, plantio de cana-de-açúcar; adubação e início de pastejo das áreas de pastagens intensificadas já implantadas e corrigidas.

 • Novembro: Plantio das áreas de milho e sorgo para silagem; formação das áreas de pastagens.

 • Fevereiro: Ensilagem das culturas estabelecidas em novembro; plantio de milho safrinha.

 • Março: Plantio de cana-de-açúcar prevendo alimento para a seca do ano seguinte ao plantio.

 • Abril/Maio: Plantio das áreas de culturas de inverno.

 • Agosto: Planejamento anual (definição do número de animais que deverão ser alimentados no próximo período das águas e da necessidade de alimento para o próximo período de seca); retirada de amostras de solo.

 • Setembro: Correção do solo, ajuste de corredores, divisão/manutenção dos piquetes nas áreas de pastagem já implantadas.

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Conteúdo original Revista DBO