Boi gordo: cotações registram queda nas praças pecuárias paulistas, informam consultorias

Nesta segunda-feira (16/5), o preço do macho terminado recuou R$ 2/@ em SP, para R$ 310/@ (valor bruto e a prazo); cotações da vaca e novilhas gordas também recuaram, aponta a Scot Consultoria

Nesta segunda-feira, 16 de maio, os preços do boi gordo negociados nas praças do interior de São Paulo recuaram R$ 2/@, para R$ 310/@ (valor bruto e a prazo), segundo dados levantados pela Scot Consultoria.

As cotações da vaca e novilhas gordas registram o mesmo recuo diário, de R$ 2/@, chegando a R$ 276/@ e R$ 305/@, respectivamente (preços brutos e a prazo), acrescenta a Scot.

Por sua vez, o boi-China (abatido mais jovem, geralmente com idade abaixo de 30 meses) teve retração de R$ 5/@ nesta segunda-feira, e agora vale R$ 320/@ nas praças paulistas.

Segundo apuração da IHS Markit, no âmbito nacional, o mercado físico do boi gordo segue a toada registrada nas últimas semanas – ou seja, os principais frigoríficos ainda estão ausentes das negociações envolvendo grandes lotes de boiadas gordas, optando pela cautela.

Neste momento, diz a IHS, as condições de mercado sugerem a manutenção do descompasso entre oferta e demanda de animais terminados, bem como a manutenção da pressão baixista nos preços da arroba.

Na avaliação da consultoria, o mercado brasileiro do boi gordo ainda segue bastante ofertado, com uma grande quantidade de animais disponíveis sobretudo nas regiões do Centro-Oeste, Norte e Nordeste do País.

Com o avanço do período seco, reforça a IHS, muitos pecuaristas seguem liquidando os seus lotes de animais terminados a pasto, mas tal movimento não é acompanhado pelas indústrias frigoríficas, que seguem sem grande apetite para novas compras.

Nesta segunda-feira, a IHS detectou recuo nos preços da arroba do boi gordo e da vaca gorda nas praças de São Paulo e do Mato Grosso do Sul – duas regiões que, além de ofertas locais, tem recebido animais provindos de Goiás, principalmente de Mozarlândia.

Dessa maneira, de acordo com os dados da IHS, nas praças paulistas, o valor máximo do boi gordo destinado ao mercado interno caiu de R$ 320/@ para R$ 315/@, enquanto a cotação da vaca gorda recuou de R$ 280/@ para R$ 275/@.

Em São Paulo, informa a IHS, há previsão de início de geada para esta semana, o que deve estimular ainda mais as ofertas de animais terminados a pasto.

No atacado da carne bovina, os preços dos cortes seguem inalterados, informa a consultoria.

“As vendas de carne bovina no varejo seguem lentas e os resultados deste final de semana foram instáveis e irregulares, com pequenas sobras de mercadorias nos entrepostos”, observa a IHS.

Cotações máximas de machos e fêmeas desta segunda-feira, 16 de maio
(Fonte: IHS Markit)

SP-Noroeste:

boi a R$ 315/@ (prazo)
vaca a R$ 275/@ (prazo)

MS-Dourados:

boi a R$ 290/@ (à vista)
vaca a R$ 270/@ (à vista)

MS-C.Grande:

boi a R$ 300/@ (prazo)
vaca a R$ 273/@ (prazo)

MS-Três Lagoas:

boi a R$ 293/@ (prazo)
vaca a R$ 271/@ (prazo)

MT-Cáceres:

boi a R$ 286/@ (prazo)
vaca a R$ 270/@ (prazo)

MT-Tangará:

boi a R$ 286/@ (prazo)
vaca a R$ 270/@ (prazo)

MT-B. Garças:

boi a R$ 282/@ (prazo)
vaca a R$ 272/@ (prazo)

MT-Cuiabá:

boi a R$ 285/@ (à vista)
vaca a R$ 274/@ (à vista)

MT-Colíder:

boi a R$ 281/@ (à vista)
vaca a R$ 268/@ (à vista)

GO-Goiânia:

boi a R$ 293/@ (prazo)
vaca R$ 271/@ (prazo)

GO-Sul:

boi a R$ 291/@ (prazo)
vaca a R$ 271/@ (prazo)

PR-Maringá:

boi a R$ 305/@ (à vista)
vaca a R$ 280/@ (à vista)

MG-Triângulo:

boi a R$ 290/@ (prazo)
vaca a R$ 266/@ (prazo)

MG-B.H.:

boi a R$ 280/@ (prazo)
vaca a R$ 265/@ (prazo)

BA-F. Santana:

boi a R$ 280/@ (à vista)
vaca a R$ 270/@ (à vista)

RS-Porto Alegre:

boi a R$ 335/@ (à vista)
vaca a R$ 305/@ (à vista)

RS-Fronteira:

boi a R$ 335/@ (à vista)
vaca a R$ 305/@ (à vista)

PA-Marabá:

boi a R$ 281/@ (prazo)
vaca a R$ 270/@ (prazo)

PA-Redenção:

boi a R$ 280/@ (prazo)
vaca a R$ 270/@ (prazo)

PA-Paragominas:

boi a R$ 290/@ (prazo)
vaca a R$ 280/@ (prazo)

TO-Araguaína:

boi a R$ 281/@ (prazo)
vaca a R$ 263/@ (prazo)

TO-Gurupi:

boi a R$ 276/@ (à vista)
vaca a R$ 262/@ (à vista)

RO-Cacoal:

boi a R$ 265/@ (à vista)
vaca a R$ 253/@ (à vista)

RJ-Campos:

boi a R$ 285/@ (prazo)
vaca a R$ [email protected] (prazo)

MA-Açailândia:

boi a R$ 275/@ (à vista)
vaca a R$ 260/@ (à vista)

Compartilhe
WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.