[full-banner-1170-x-134-home-geral1]

Células-tronco recuperam fertilidade de doadoras

Tecnologia busca restaurar lesões ovarianas em fêmeas submetidas ao uso intensivo de aspirações foliculares

Laboratório da Bio Reprodução, em Brasília: exames convencionais e de alta tecnologia.

Por Denis Cardoso

A perda de fertilidade de vacas de alto potencial genético é uma realidade enfrentada pelas fazendas brasileiras que utilizam largamente a técnica da Fertilização in Vitro (FIV), pois foi comprovado cientificamente que o uso intensivo de aspirações foliculares intraovarinas (OPU) – técnica auxiliada por ultrassom e que consiste na coleta de oócitos diretamente do ovário – pode resultar em lesões ovarianas que acabam comprometendo a capacidade reprodutiva das doadoras de embriões.

Diante desse problema, muitas propriedades têm lançado mão da terapia com células-tronco mesenquimais (CTM), visando garantir a produção permanente de óvulos de boa qualidade, elevando, assim, o número de embriões in vitro produzidos em laboratório.

“Como qualquer sistema de biópsia baseado em agulha (instrumento utilizado na aspiração de óvulos), essas coletas inevitavelmente causam traumas ao tecido ovariano, resultando em inflamações, fibroses, entre outras patologias”, relata o médico veterinário Maurício Peixer, sócio e gestor da Bio Reprodução Animal, de Brasília (DF), uma das empresas líderes na aplicação da biotecnologia com células-tronco.

Maurício Peixer, sócio da Bio Reprodução Animal.

Em linhas gerais, continua Peixer, a injeção contínua de células-tronco no ovário das doadoras contribui para a recuperação e a melhora da qualidade do ambiente onde estão os folículos ovarianos e os tecidos lesionados, o que pode possibilitar a restauração plena da capacidade reprodutiva das matrizes.

Para continuar lendo é preciso ser assinante.

Você merece este e todo o rico conteúdo da Revista DBO.
Escolha agora o plano de assinatura que mais lhe convém.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Se já é assinante, entre com sua conta

This post is only available to members.
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no pocket
Pocket
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no skype
Skype
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no pocket
Pocket
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no tumblr
Tumblr
Compartilhar no print
Print
2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.