Climatempo leva inovação e tecnologia na Agrishow 2022

Uma das tecnologias da Climatempo que estarão presentes na Agrishow para o público conhecer é o Agroclima PRO

Uma das maiores feiras agrícolas no mundo realizada em Ribeirão Preto (SP), a Agrishow, que acontece de 25 a 29 de abril, reúne soluções diversas para todos os tipos de culturas e tamanhos de propriedades, além de ser reconhecida como o palco dos lançamentos das principais tendências e inovações para o mercado agro.

Nesta 27ª edição, a Climatempo, maior empresa de meteorologia da América do Sul e participante de longa data do evento, leva para os visitantes toda sua expertise em tecnologia e inovação meteorológica voltadas para o campo, com a missão de auxiliar os produtores e gestores a planejarem suas atividades com mais segurança e, principalmente, a se prevenirem contra os efeitos das mudanças climáticas.

Uma das tecnologias da Climatempo que estarão presentes na Agrishow para o público conhecer é o Agroclima PRO, uma plataforma inteiramente voltada para gestão agro, que fornece dados e informações de alta acuracidade e atualizadas em tempo real, onde o produtor tem acesso a dados como: previsões de curto, médio e longo prazo (72 horas, 15 dias ou 180 dias), alertas fitossanitários que monitoram a probabilidade das culturas serem afetadas por pragas e doenças, janelas de pulverização que identificam os melhores dias e horários para a realização das aplicações, balanço hídrico que mostra como estará a demanda hídrica da lavoura para os próximos 15 dias, monitoramento de chuvas, ponto de orvalho e muito mais. E o melhor: a plataforma pode ser acessada tanto pelo computador, como via aplicativo, facilitando o acesso dos dados aonde quer que o produtor esteja.

A empresa preparou também uma programação de palestras exclusivas com meteorologistas do mercado, que irão abordar as problemáticas climáticas atuais que mais afetam os produtores rurais e as suas respectivas lavouras.

Fonte: Ascom Climatempo

Compartilhe
WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
Email

Revista DBO | Na vanguarda ambiental

VEJA mais destaques da edição de julho; na capa, Liga do Araguaia entra no “mercado verde”. Alguns produtores já recebem de R$ 250 a R$ 370/ha/ano para manter excedente florestal de pé.

Revista DBO | Na vanguarda ambiental

VEJA mais destaques da edição de julho; na capa, Liga do Araguaia entra no “mercado verde”. Alguns produtores já recebem de R$ 250 a R$ 370/ha/ano para manter excedente florestal de pé.

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.