Valor Bruto da Produção Pecuária deve crescer 6,6% em 2020

De acordo com a CNA,a demanda aquecida tem sustentado preços elevados para a arroba do boi gordo, em média 17,8% acima do patamar de 2019

O Valor Bruto da Produção (VBP) pecuária deve chegar a R$ 291,7 bilhões em 2020, um crescimento em receita da ordem de 6,6% na comparação com 2019. As estimativas foram apresentadas nesta quarta-feira (16/9), pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), baseadas nos dados de preço e produção disponíveis até agosto de 2020.

No ano passado, o VBP pecuário gerou R$ 219,8 bilhões. O VBP, gerado a partir dos 26 maiores produtos agropecuários do Brasil, é calculado com base na produção agrícola municipal e nos preços recebidos pelos produtores, dando um valor da renda do meio rural.

Continue a leitura após o anúncio

De acordo com a CNA, os incrementos de produção e preços de ovos e suínos e de preços da carne bovina devem garantir um acréscimo próximo a R$ 17,9 bilhões no faturamento da atividade pecuária “dentro da porteira”, embora o faturamento bruto das atividades de frango e de leite deve apresentar queda de 3,7% e 4,3%, respectivamente.

No caso da pecuária bovina, os bons resultados financeiros vêm da baixa disponibilidade de animais para o abate, que deve reduzir a produção de carne em aproximadamente 3,6% em 2020. A demanda aquecida tem sustentado preços elevados para a arroba do boi gordo, em média 17,8% acima do patamar de 2019.

Desempenho geral

Para todos os setores da agropecuária, o VBP calculado pela entidade deve alcançar novo recorde em 2020 e superar a receita de R$ 823 bilhões, um crescimento de 13,7% em relação ao ano passado. Em 2019, o VBP de R$ 630,9 bilhões foi recorde para a série histórica desse índice, iniciado em 1989.

Agora, mesmo com a pandemia de coronavírus, os dados mensais do VBP vêm confirmando uma estimativa muito acima do que se previa para 2020. Em janeiro deste ano, os prognósticos para o ano era atingir R$ 674,8 bilhões, 7% superior na comparação com o de 2019.

Além do VBP pecuário, no caso da agricultura, para 2020, a CNA projeta uma alta de 18%, com faturamento bruto de R$ 531,6 bilhões. O bom resultado será puxado principalmente pelo VBP recorde de R$ 218 bilhões da soja (alta de 23,8%). O incremento de 4,3% na produção e de 18,7% nos preços, além da alta demanda chinesa e a desvalorização do real frente ao dólar também devem influenciar o VBP.

Segundo a CNA, outros destaques da agricultura são o arroz, o café arábica e o trigo, que terão alta no Valor Bruto da Produção de 33,9%, 51% e 59%, respectivamente. Também é estimado um crescimento da produção de 6,7%, 30% e 32%, nessa ordem.

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Revista DBO – Saindo na frente

Confira a edição de setembro, que traz o “Especial de Genética e Reprodução” com 7 reportagens exclusivas, além de outras 21 reportagens e análises sobre o mundo da pecuária

Revista DBO – Saindo na frente

Confira a edição de setembro, que traz o “Especial de Genética e Reprodução” com 7 reportagens exclusivas, além de outras 21 reportagens e análises sobre o mundo da pecuária

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Conteúdo original Revista DBO