CNT diz não haver sinais para greve de caminhoneiros

Segundo o presidente da Confederação, “neste momento, não há sinais de apoio popular a um movimento grevista”

Por meio de comunicado nesta quarta-feira, 27 de março, a CNT (Confederação Nacional do Transporte) avaliou que não há sinais de apoio popular a um movimento paralisação para o próximo sábado, 30. A possibilidade de manifestação vinha sendo levantada por grupos organizados em redes sociais e via whatsapp.

Na nota à imprensa, o presidente da Confederação, Vander Costa, lembra que foi a volatilidade do preço do óleo diesel que desencadeou a greve dos caminhoneiros em maio de 2018. O presidente informou que a CNT vem acompanhando as notícias de uma tentativa de mobilização de carreteiros . Segundo o presidente, “neste momento, não há sinais de apoio popular a um movimento grevista, como se viu na paralisação de 2018”.

No comunicado, o presidente da CNT afirmou também que “caso ocorra a greve de caminhoneiros autônomos, mas o governo garanta a segurança dos caminhões que continuarão trafegando, as empresas manterão a frota nas estradas”. “Vamos rodar para garantir que não haja desabastecimento”.

Na mesma nota, a Confederação disse que que considera acertada a decisão da Petrobras de reajustar o preço do óleo diesel a cada 15 dias. “Para o planejamento do custo do frete, o ideal seria um prazo maior, no entanto, consideramos positiva a sinalização dada pela Petrobras, que se mostra sensível à situação dos transportadores e do país”, expressou Costa.

O Governo Federal, por meio da GSI (Gabinete de Segurança Institucional) informou que está monitorando o movimento de caminhoneiros que, através do WhatsApp, estão convocando protestos para o próximo sábado, 30 de março.

Em um vídeo divulgado na internet, o motorista Efraim, que se diz ser um dos líderes da manifestação, comunicou que a categoria possui três reivindicações principais: cumprimento das tabelas de frete, redução no preço do diesel e redução nos pedágios.

Já Wallace Landim, conhecido como Chorão, se posiciona contrário aos protestos marcados para o dia 30 de março. Ele defende o presidente Jair Bolsonaro – que estaria sensível às reivindicações. Chorão também garante que a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) começou a fiscalizar o cumprimento das tabelas de frete. Veja no vídeo:

A Associação Brasileira dos Caminhoneiros ( Abcam) divulgou por meio de nota que não havia sido encontrado qualquer sinal, por meio de monitoramento de redes sociais, da organização dos caminhoneiros para uma nova greve.

A entidade informou que reconhece que são inúmeros telefonemas e mensagens de insatisfação com o atual piso mínimo de frete, bem como a falta de fiscalização para o seu cumprimento e que vem percebendo uma insatisfação muito grande da categoria que pode refletir em uma possível nova paralisação.

Na nota, a associação disse que é imprescindível a criação de uma nova tabela de frete que esteja de acordo com a realidade vivida nas estradas e que também é necessária uma fiscalização eficaz e eficiente por parte da ANTT.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no pocket
Pocket
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no skype
Skype
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no pocket
Pocket
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no tumblr
Tumblr
Compartilhar no print
Print

Notícias relacionadas:

[banner-link-364-x-134-home-geral1]

[banner-link-364-x-134-home-geral2]

[banner-link-364-x-134-home-geral3]

TV DBO

A DBO Editores Associados, fundada em junho de 1982, sempre se caracterizou como empresa jornalística totalmente focada na agropecuária. Seu primeiro e principal título é a Revista DBO, publicação líder no segmento da pecuária de corte. O Portal DBO é uma plataforma digital com as principais notícias e conteúdo técnico dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Todos direitos reservados @ 2019 | Rua Dona Germaine Burchard, 229 | Bairro de Perdizes, São Paulo-SP

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
×
×

Carrinho

Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Encontre o que você procura: