Rio Grande do Sul: combate aos crimes rurais é tema de reunião na Fronteira Oeste

O Instituto Desenvolve Pecuária e a Federação Brasileira das Associações de Criadores de Animais de Raça (Febrac) promovem encontro em Uruguaiana (RS)

Como forma de mobilizar as instituições da região da Fronteira Oeste, o Instituto Desenvolve Pecuária e a Federação Brasileira das Associações de Criadores de Animais de Raça (Febrac) organizaram, junto com a prefeitura de Uruguaiana (RS), uma reunião para tratar do tema do agravamento dos crimes rurais e medidas de combate pelo poder público.

O encontro ocorrerá na próxima sexta-feira, 1º de julho, a partir das 11h, no Clube Comercial do município.

Segundo a presidente da Comissão de Crimes Rurais do Instituto Desenvolve Pecuária, Antonia Scalzilli, esta reunião foi um pleito das duas entidades ao prefeito de Uruguaiana em virtude do aumento desse tipo de crime na região.

“Nós pleiteamos junto a Polícia Civil a alteração do decreto que descentralizou a atuação das Decrabs. Queremos polícias fortes e do tamanho que a nossa parcela de contribuição para o PIB estadual nos permite reivindicar”, observa.

Antonia explica que a ideia é que a sociedade civil municipal, como a Inspetoria Veterinária, Vigilância Sanitária, Ministério Público, Secretarias Municipais e Judiciário, se organize de forma multidisciplinar para combater o consumo, enquanto a Brigada Militar, Polícia Civil e Polícia Rodoviária Federal atuam de forma ostensiva e investigativa para estabelecimento da ordem pública.

Foto: Policia Civil RS

Nesta data, a Brigada Militar também vai fazer o lançamento da Operação Agro-Hórus, que tem por objetivo combater os crimes transfronteiriços.

VEJA TAMBÉM | DBO Destaca | Crimes de abigeato ultrapassaram 5.000 registros em 2021 no Rio Grande do Sul; VÍDEO

O presidente da Febrac, João Francisco Bade Wolf, convida os associados e simpatizantes da causa para que participem desta ação que vai debater este decreto de descentralização das Decrabs.

“Isso é importante para que dê força às nossas Decrabs e nossa polícia para trabalhar e que isso traga toda esta cadeia para que tenhamos mais segurança no campo”, destaca.

Para o dirigente, é importante que se tenha uma centralização para buscar uma rápida resposta ao produtor rural, que precisa ter tranquilidade na sua propriedade para produzir.

“Conclamamos a nossa classe que esteja presente neste evento. É muito importante esta união para darmos força para que a polícia tenha desenvoltura e rapidez na sua ação”, completa.

Fonte: Ascom Instituto Desenvolve Pecuária

Compartilhe
WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
Email

Revista DBO | Nova revolução no cocho

VEJA os destaques da edição de agosto e o Especial Confinamento; na capa, com quase nada ou zero volumoso, a chamada ‘dieta fast’ ganha os cochos, melhora o desempenho dos animais e simplifica as operações.

Revista DBO | Nova revolução no cocho

VEJA os destaques da edição de agosto e o Especial Confinamento; na capa, com quase nada ou zero volumoso, a chamada ‘dieta fast’ ganha os cochos, melhora o desempenho dos animais e simplifica as operações.

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.