[full-banner-1170-x-134-home-geral1]

Consumo de carne bovina caiu no 1° tri de 2020

Retração no consumo de proteína vermelha foi gerado pelas medidas restritivas impostas para desacelerar a propagação da Covid-19

Por Alcides Torres Jr. – Engenheiro agrônomo e  diretor-proprietário da Scot Consultoria, de Bebedouro, SP. *Colaborou: Ana Paula Remedio Barbosa.

Um mundo diferente. Este ano de 2020 certamente ficará para a história. Uma pandemia em tempos modernos, com comunicação instantânea pela internet e tudo o que isso tem de bom, mas também com tudo o que isso tem de ruim, incluindo uma montanha de boatos e desinformações propagadas na velocidade da luz. Uma pandemia, uma peste, tão ruim como todas as pestes, e o mundo pasmo diante da disseminação dessa doença pelos quatro continentes, numa velocidade atroz. Sem medicamentos eficazes para combatê-la ou uma vacina imunizadora, optou-se pelo isolamento social, pelo distanciamento das pessoas.

O isolamento foi decretado pelas autoridades sanitárias e somente serviços essenciais foram autorizados a funcionar. Essas medidas (necessárias) para conter a velocidade de propagação da doença pegou em cheio o setor de serviços, dentre eles os de alimentação (restaurantes, bares, lanchonetes etc), importantes canais de escoamento da produção de carnes. Com isso, o consumo de proteínas de origem animal caiu drasticamente.

Para continuar lendo é preciso ser assinante.

Você merece este e todo o rico conteúdo da Revista DBO.
Escolha agora o plano de assinatura que mais lhe convém.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Se já é assinante, entre com sua conta

Você precisa adquirir uma de nossas assinaturas.
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no pocket
Pocket
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no skype
Skype
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no pocket
Pocket
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no tumblr
Tumblr
Compartilhar no print
Print

Veja também: