Consumo de produtos orgânicos cresce e já alcança 19% dos brasileiros

Preço e dificuldades em encontrar produtos orgânicos ainda é um obstáculo para o consumidor, revela pesquisa
Soja orgânica. Foto: Federação das Industrias do Estado do Paraná.

O consumo mensal de produtos orgânicos no país cresceu quatro pontos percentuais nos últimos dois anos, para 19% em 2019, segundo dados divulgados nesta quarta-feira, 04 de setembro, pelo Conselho Brasileiro da Produção Orgânica e Sustentável – Organis.

“Constatamos que 1 em cada 5 brasileiros consome algum produto orgânico, com frequência média de três vezes por semana, em especial hortifrutis. Há muitas oportunidades de crescimento, pois a pesquisa aferiu que 88% estão dispostos a comprar orgânico”, explica Ming Liu, diretor do Organis.

Crescimento

A pesquisa aponta que os produtos do segmento mais procurados pelos brasileiros foram as frutas (25%), seguidas pelas verduras (24%) e a alface orgânica (21%). No entanto, se engana quem pensa que somente o consumo de alimentos orgânicos estão em alta no país. O estudo da Organis mostra que itens de higiene pessoal, cosméticos e vestuários estão entre os produtos orgânicos não alimentícios mais citados pelos brasileiros.

Quando analisado os últimos seis meses, o relatório revela que 35% da população consumiu algum produto orgânico e que 67% estão dispostos a aumentar a compra deste produto. A região Sul do Brasil concentra o maior percentual de consumo, com 48%, seguido pelo Sudeste, com 42%.

Para Marcos Kathalian, sócio dirigente da Brain, a pesquisa realça a importância do produtor disponibilizar produtos do segmento orgânico para a população. “Uma penetração de praticamente 20% de consumidores orgânicos no Brasil já é algo significativo e que o produtor deve olhar para ter a percepção que já existem consumidores com essa orientação e em busca destes produtos. Se você não atendê-lo, outro ofertante irá fazê-lo”.

O dirigente lembra que as recentes liberações de pesticidas agrícolas pelo governo federal impulsionou a atenção dos brasileiros sobre os alimentos consumidos. “A grande liberação de agrotóxicos não era tão explicitada pela mídia antes. A gente já está percebendo que aumentou a preocupação do brasileiro com a origem e com o tipo de produto que ele está consumindo. O aumento da liberação de agrotóxicos elevou essa inquietação entre os consumidores e ele, naturalmente, começou a olhar mais para o orgânico por entender ser uma opção mais saudável”, pontua Kathalian.

Preço

No entanto, o preço dos produtos orgânicos ainda pesa na decisão de compra para 75% dos entrevistados. Em contrapartida, a pesquisa mostra também que, para 48% dos que consomem, essa diferença é justificada. “O que nos anima é perceber que uma parcela significativa dos brasileiros já reconhece o valor agregado dos produtos orgânicos, pois tanto os que consomem como os que não consomem esse tipo de produto entendem que os custos de produção mais elevados justificam o maior preço dos orgânicos”, explica Cobi Cruz, diretor do Organis. Segundo ele a pesquisa permite concluir que, na medida em que a renda do brasileiro aumentar, o tamanho do mercado de orgânicos também vai crescer. “Há motivação e disposição para o consumo”, diz .

Além do preço, a distribuição dos produtos orgânicos ainda é um dos principais desafios para o setor. “O orgânico não vai conseguir abastecer o mundo. Temos que trabalhar aquela parcela da população mundial que está cada vez mais consciente em relação a saúde, segurança e meio ambiente para que esta parte tenha opção e consiga achar esses produtos”, conclui Liu.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no pocket
Pocket
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no skype
Skype
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no pocket
Pocket
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no tumblr
Tumblr
Compartilhar no print
Print

Notícias relacionadas:

[banner-link-364-x-134-home-geral1]

[banner-link-364-x-134-home-geral2]

[banner-link-364-x-134-home-geral3]

TV DBO

A DBO Editores Associados, fundada em junho de 1982, sempre se caracterizou como empresa jornalística totalmente focada na agropecuária. Seu primeiro e principal título é a Revista DBO, publicação líder no segmento da pecuária de corte. O Portal DBO é uma plataforma digital com as principais notícias e conteúdo técnico dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Todos direitos reservados @ 2019 | Rua Dona Germaine Burchard, 229 | Bairro de Perdizes, São Paulo-SP

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
×
×

Carrinho

Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Encontre o que você procura: