Menu
Menu

Críticas da Abrafrigo são”questão resolvida”, afirma Tereza Cristina

Abrafrigo havia afirmado, em comunicado, que o ministério estava privilegiando grandes frigoríficos

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, afirmou que considera resolvida a questão sobre as críticas da Associação Brasileira de Frigoríficos (Abrafrigo) às negociações com a China para liberar plantas a exportarem para o país.

“Eu dou como resolvida, porque vamos lá levando o que os chineses nos pediram”, afirmou ela em evento em São Paulo, promovido pela Federação das Indústrias de São Paulo (Fiesp). “E, além disso, vamos colocar à mesa outras coisas que o Brasil tem – outras plantas, outras habilitações. Acho que esse é um assunto interno, mas precisamos ter uma estratégia, assim como a China tem. Vamos levar todas as plantas que o Brasil pode oferecer neste momento para o mercado chinês.”

+Abrafrigo critica lista a ser apresentada a importadores chineses
+Mapa rebate críticas da Abrafrigo a requisitos de exportação para China

A Abrafrigo havia afirmado, em comunicado, que o ministério estava privilegiando grandes frigoríficos na lista de unidades que poderiam exportar carnes para a China. Outra crítica dizia respeito a um novo critério, de que apenas empresas que já exportassem à União Europeia poderiam constar na lista de habilitações para a China.

Na última sexta-feira, o secretário de Comércio e Relações Internacionais, Orlando Ribeiro, afirmou que conversou pessoalmente com os dirigentes da Abrafrigo. Segundo ele, a China estaria disposta a inspecionar primeiro os questionários dos estabelecimentos que já têm habilitação para União Europeia. “Quando se negocia com chineses, tem de saber como negociar com eles”, afirmou, e reforçou: “O ministério não se pauta por interesse de empresas e sim pelo interesse nacional”.

Ribeiro disse ainda que serão entregues quatro listas de empresas frigoríficas candidatas à habilitação para os chineses e que isso será apenas o início da negociação, e não o fim.

Fonte: ESTADÃO CONTEÚDO

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on skype
Skype
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on email
Email
Share on tumblr
Tumblr
Share on print
Print

Veja também:

Produtores já estão testando novo modelo de produção de novilhas

A Agropecuária JBJ, de GO, e a Fazenda Rancho Fundo, do MS, suplementam as fêmeas desde bezerras para desafiá-las na IATF aos 13-14 meses.

Você precisa adquirir uma de nossas assinaturas.

“Precocinhas” Nelore no confinamento

Os sistemas de produção de novilhas precoces também abrem caminho para a engorda dessas fêmeas para venda bonificada a programas de carne de qualidade.

Você precisa adquirir uma de nossas assinaturas.

Novilhas Nelore sob holofotes

Elas são as novas estrelas da pecuária, graças aos avanços em precocidade com prenhez aos 13-14 meses, e valorização nos projetos de carne gourmet. Agora, elas também são objeto de pesquisa da Apta-Colina para o desenvolvimento de sistema específico de produção, a exemplo do programa do Boi 7-7-7.

Você precisa adquirir uma de nossas assinaturas.

Café com frio

Especialista dá dicas de como evitar problemas com o frio no cafezal, cultura que gosta de “cabeça quente e pés frios”

SOBRE A MÍDIA DBO

A DBO Editores Associados, fundada em junho de 1982, sempre se caracterizou como empresa jornalística totalmente focada na agropecuária. Seu primeiro e principal título é a Revista DBO, publicação líder no segmento da pecuária de corte. O Portal DBO é uma plataforma digital com as principais notícias e conteúdo técnico dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da cobertura dos leilões de todo o Brasil.

ANUNCIE DBO

Acompanhe aqui o vídeo da edição mais recente da Revista DBO. Para ver os destaques das outras edições, basta clicar aqui.

ASSINE A REVISTA DBO

Revista DBO Ligue grátis: 0800 110618 (Segunda a sexta, das 08h00 às 18h00)

2018 DBO - Todos os direitos reservados

×
×

Carrinho