Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

DBO Entrevista: “O produtor tem que se perguntar se é hora de tomar risco e parar a vacinação”

Confira a entrevista com Emilio Salani, vice-presidente executivo do Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Saúde Animal

Em entrevista ao vivo ao Portal DBO nesta quarta-feira, 20, o vice-presidente executivo do Sindan – Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Saúde Animal, Emílio Salani, disse considerar inevitável a reavaliação do cronograma para a retirada da vacinação contra a aftosa. Segundo ele, já houve, inclusive, uma sinalização neste sentido por parte do secretário de Defesa, Animal do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Geraldo Moraes, feita no fim de semana, de que o Pnefa deverá ser revisto.

Na entrevista a Vera Ondei e Renato Villela, Salani afirmou que só depois de passada essa fase mais crítica da pandemia será possível fazer uma análise mais criteriosa para se ter clareza dos impactos e definir em quais áreas e por quanto tempo haverá essa prorrogação.

Continue a leitura após o anúncio

O vice-presidente do Sindan também considerou fora de cogitação o cumprimento da etapa inicialmente prevista para maio do ano que vem, de suspensão da vacinação nos 11 Estados do Centro-Oeste, Sudeste e parte do Nordeste, que concentram a maior parte do rebanho bovino.

Salani afirmou que o Sindan, como entidade das indústrias produtoras de vacinas, tem dificuldade de falar sobre alteração do cronograma, pois jamais quer ser interpretado como atravancador do progresso, mas alertou que, com a grande demanda de proteína que o mundo tem, o produtor tem que se perguntar se este é o momento de se tomar risco e suspender a vacinação.

“Nós do Sindan fomos, somos e sempre seremos a favor de buscar o status de livre de aftosa sem vacinação. Entretanto, não podemos nos furtar à nossa responsabilidade como imunologistas, produtores de vacinas, médicos veterinários, brasileiros, de alertar que esse é o momento para se repensar, analisar e realmente colocar na balança quais são os ganhos e os riscos dessa continuidade do cronograma.”

Veja a entrevista na íntegra.

 

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Revista DBO – Saindo na frente

Confira a edição de setembro, que traz o “Especial de Genética e Reprodução” com 7 reportagens exclusivas, além de outras 21 reportagens e análises sobre o mundo da pecuária

Revista DBO – Saindo na frente

Confira a edição de setembro, que traz o “Especial de Genética e Reprodução” com 7 reportagens exclusivas, além de outras 21 reportagens e análises sobre o mundo da pecuária

A DBO Editores Associados, fundada em junho de 1982, sempre se caracterizou como empresa jornalística totalmente focada na agropecuária. Seu primeiro e principal título é a Revista DBO, publicação líder no segmento da pecuária de corte. O Portal DBO é uma plataforma digital com as principais notícias e conteúdo técnico dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Todos direitos reservados @ 2019 | Rua Dona Germaine Burchard, 229 | Bairro de Perdizes, São Paulo-SP

×
×

Carrinho

Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Encontre o que você procura: