Demanda por reposição começa a ganhar força no RJ

Valorização da @ em cima do boi magro trouxe novas oportunidades aos recriadores e invernistas
Foto: Scot Consultoria

Após a baixa movimentação em boa parte do ano, o mercado de reposição teve uma leve retomada no Rio de Janeiro. Apesar dos compradores estarem à procura, principalmente de animais mais jovens, entre [email protected] e [email protected], os vendedores estão pouco dispostos a negociar.

No estado as chuvas estão em ritmo mais constante desde meados de julho e a melhora das condições das pastagens faz com que os criadores consigam segurar os animais à espera de pagamentos melhores.

Continue a leitura após o anúncio

Desde o início do segundo semestre a cotação da arroba subiu aproximadamente 10% e as categorias de reposição, em média, 4%. Cenário que trouxe oportunidades para recompor o estoque de gado da fazenda.

O maior poder de compra está na troca com o garrote. Atualmente com a venda de um boi gordo de 16,[email protected] compra-se 1,42 animal de [email protected] É a melhor relação desde outubro de 2017.

Fonte: Scot Consultoria

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.