Dia a dia do mercado pecuário em 30 de abril

Alta do bezerro de Rondônia deixa diferencial de preço em 8% em relação a SP. Veja as notícias desta terça feira

Preços em queda no último dia de abril

Nesta terça-feira, o mercado físico de boi gordo teve uma boa liquidez, com os preços demonstrando quedas pontuais em algumas praças pecuárias do Brasil, relata boletim desta tarde da Informa Economics FNP.
“O cenário pré-feriado é o de incerteza; muitos agentes aguardam a entrada da primeira quinzena do mês para operar no mercado com maior firmeza, já que a expectativa dos negociantes é que seja um bom início de mês para o consumo da proteína bovina”, avalia a consultoria paulista.

O preço do boi gordo recua R$ 4 reais em sete dias

Ontem, o Indicador do boi gordo Esalq/B3/Cepea fechou a R$ 154,25/@, à vista, na praça paulista, o que significou desvalorização de R$ 4 reais (ou 2,6%) em relação ao preço registrado em 22 de abril (R$ 158,35).

O movimento de alta verificado no começo de abril foi interrompido na última semana depois que os frigoríficos conseguiram elevar um pouco as suas escalas de abate, favorecidos por uma maior oferta de animais terminados no mercado.

Os pecuaristas ofertaram mais as boiadas com a aproximação da companha de vacina contra a febre aftosa (realizada principalmente em maio), e também pela expectativa de redução no volume de chuvas daqui para frente e, consequentemente, piorar na qualidade das pastagens.

Bezerro de Rondônia sobe 15% este ano

O bezerro anelorado de Rondônia (de 12 meses, 7,5@) que era vendido ao redor de R$ 1.200/cabeça no início do ano, hoje se aproxima de R$ 1.400/cabeça. “Isso significa que o ‘bezerro de ano’ neste  Estado, que era reconhecido no mercado como um dos mais “baratos” do País, subiu mais de 15% no período de quatro meses, segundo informa a Scot Consultoria.

Com isso, o diferencial de preço do bezerro de Rondônia em relação ao valor pago em São Paulo gira hoje em 8%, ante a diferença de 12% verificada em igual período do ano passado, de acordo com a consultoria de Bebedouro.

Com as cotações mais elevadas, a relação de troca piorou para o recriador de Rondônia. Em janeiro, vendendo um boi gordo de 18@ compravam-se 2 bezerros. Nas mesmas condições, hoje compra-se 1,85 animais, o que significa uma piora de 7,5% no poder de compra.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no pocket
Pocket
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no skype
Skype
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no pocket
Pocket
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no tumblr
Tumblr
Compartilhar no print
Print

Notícias relacionadas:

[banner-link-364-x-134-home-geral1]

[banner-link-364-x-134-home-geral2]

[banner-link-364-x-134-home-geral3]

TV DBO

A DBO Editores Associados, fundada em junho de 1982, sempre se caracterizou como empresa jornalística totalmente focada na agropecuária. Seu primeiro e principal título é a Revista DBO, publicação líder no segmento da pecuária de corte. O Portal DBO é uma plataforma digital com as principais notícias e conteúdo técnico dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Todos direitos reservados @ 2019 | Rua Dona Germaine Burchard, 229 | Bairro de Perdizes, São Paulo-SP

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
×
×

Carrinho

Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Encontre o que você procura: