Estiagem em Santa Catarina é a mais severa dos últimos anos, diz a Epagri

Período de seca somado à falta de perspectiva de chuvas intensas para os próximos dois meses afetará diretamente na produção agrícola

O Estado de Santa Catarina passa pela mais severa estiagem dos últimos anos, especialmente para as regiões do extremo oeste, oeste, meio oeste, planalto sul, planalto norte e alto Vale do Itajaí, conforme levantamento da Epagri/Ciram/Cepa e da Secretaria da Agricultura do Estado.

De acordo com o relatório técnico, de junho de 2019 a abril de 2020, a chuva acumulada em Santa Catarina ficou em torno de 500 mm inferior ao registrado na média história. No meio oeste, as chuvas foram 635 mm menores durante esse período. Situações semelhantes aconteceram apenas em 1978 e 2006.

O período de seca somado à falta de perspectiva de chuvas intensas para os próximos dois meses afetará diretamente na produção agrícola, especialmente nas lavouras de milho grão, silagem, feijão e soja. As previsões são de redução de 10% na produção de milho, com expectativa de colheita de 2,59 milhões de toneladas, diz a Epagri.

Compartilhe
WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.