Exportação do agronegócio do RS recua 17,3% em setembro

No acumulado do ano, o agronegócio do Rio Grande do Sul exportou US$ 8,957 bilhões
Foto: Appa.

O setor agropecuário do Rio Grande do Sul exportou 17,3% menos em valor em setembro em relação a igual mês do ano passado. O Estado faturou US$ 874 milhões, sendo soja e carnes os principais produtos exportados, aponta o Relatório de Comércio Exterior do Agronegócio do RS, divulgado pelo sistema Farsul nesta terça-feira, 9. “Apenas o grupo cereais teve resultado positivo, puxado pelo arroz”, diz nota do Sistema Farsul.

O complexo soja exportou o equivalente a US$ 470 milhões, recuo de 13,7%, na comparação com setembro de 2017. Farelo de soja também caiu, 2%, para US$ 40,68 milhões, e soja em grão cedeu 17,5% em faturamento, para US$ 409 milhões. Já o óleo de soja avançou 174% em faturamento, para US$ 20,79 milhões.

No grupo carnes o resultado foi uma retração de 42% no valor exportado, o equivalente a US$ 177 milhões. Frango e suínos tiveram as vendas reduzidas pela metade, uma retração de 51,8% e 50,2%, para US$ 50,05 milhões e US$ 22,71 milhões, respectivamente. Já a carne bovina apresentou um aumento de 12,6% no valor exportado, encerrando o mês de setembro a US$ 20,98 milhões.

Na comparação entre os meses de agosto e setembro de 2018, também houve retração de 16,2% no valor (ante US$ 1,044 bilhão em agosto deste ano) e 22,6% no volume exportado – em setembro foi exportado 1,519 milhão de toneladas e, em agosto, 1,964 milhão de toneladas.

O complexo soja registrou queda de 25,3%, assim como fumo (-5,3%) e produtos florestais (-22,8%). Já o grupo carnes teve alta de 24,9%, puxado pelas vendas de frango e suínos (80,5% e 18,2%). A comercialização da carne bovina caiu 18,5%. O arroz foi o responsável pelo aumento de 44,3% do grupo cereais, com um crescimento de 45% no período.

No acumulado do ano, o agronegócio do Rio Grande do Sul exportou US$ 8,957 bilhões, um aumento de 4,5% na comparação com o mesmo período de 2017. O setor foi responsável por 67,3% do valor total exportado pelo Estado. O saldo da balança comercial do setor foi de US$ 316 milhões. A China segue como principal destino do produto gaúcho, com 47,9% do total comercializado. Na sequência vêm Estados Unidos (3,6%) e Eslovênia (2,9%).

Fonte: ESTADÃO CONTEÚDO.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no pocket
Pocket
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no skype
Skype
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no pocket
Pocket
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no tumblr
Tumblr
Compartilhar no print
Print

Notícias relacionadas:

[banner-link-364-x-134-home-geral1]

[banner-link-364-x-134-home-geral2]

[banner-link-364-x-134-home-geral3]

TV DBO

A DBO Editores Associados, fundada em junho de 1982, sempre se caracterizou como empresa jornalística totalmente focada na agropecuária. Seu primeiro e principal título é a Revista DBO, publicação líder no segmento da pecuária de corte. O Portal DBO é uma plataforma digital com as principais notícias e conteúdo técnico dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Todos direitos reservados @ 2019 | Rua Dona Germaine Burchard, 229 | Bairro de Perdizes, São Paulo-SP

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
×
×

Carrinho

Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Encontre o que você procura: