Exportações de carnes aumentam nos Portos do Paraná

Somente no Porto de Paranaguá, as exportações de carnes alcançou 1, 28 milhão de toneladas

Nos oito meses de 2019, as carnes em geral renderam receita de mais de US$ 2,4 bilhões. A principal, entre as exportações, é a carne de frango, responsável por 73% dessa receita. Foto: Deral

Entre os meses de janeiro a agosto deste ano, as exportações de carnes pelo Porto de Paranaguá alcançou 1,28 milhão de toneladas. Este volume representa um aumento de 13,27% em relação ao registrado no mesmo período de 2018, com 1,13 milhão de toneladas de carnes exportadas. Os dados são do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços.

De acordo com o Governo Federal, as carnes exportadas pelo Porto do Paraná geraram, nos últimos oito meses, receita de cerca de US$ 2,41 bilhões. Em 2018, foram US$ 2 bilhões.

Continue a leitura após o anúncio

O maior aumento registrado, entre os produtos, foi na carne de boi: 35,5% na comparação entre os meses de janeiro a agosto, de 2018 e 2019. Este ano, foram 119,25 mil toneladas exportadas do produto. Em 2018, foram 88 mil. Os principais mercados da carne bovina, nesses oito meses, foram China, Hong Kong, Egito, Irã e Emirados Árabes.

Suínos

A carne de porco também registra aumento significativo. De janeiro a agosto deste ano, foram 45,5 mil toneladas exportadas – volume 33,8% maior que o registrado em 2018, com 34 mil toneladas movimentadas. Os principais destinos são Hong Kong, China, Cingapura, Vietnã e Albânia.

Segundo o economista Marcelo Garrido, do Departamento de Economia Rural (Deral) da Secretaria estadual da Agricultura, o aumento nas exportações de carne de porco ainda é reflexo da perda da China e dos vizinhos do sudeste asiático nos próprios rebanhos com a peste suína. “Esta crise nos principais consumidores de suíno do mundo abriu para o Paraná e todo o Brasil uma oportunidade muito grande”, afirma.

Frango

Apesar de registrar o menor aumento, a carne de frango é a exportada em maior volume pelo Porto de Paranaguá. Este ano, no período do último fechamento, foi 1,1 milhão de toneladas exportadas – 12% a mais que o registrado de janeiro a agosto de 2018 (982,4 mil toneladas).

O produto sozinho gerou receita de US$ 1,75 bilhão. O montante representa quase 73% da receita total gerada pelas exportações de carne deste ano. Os principais destinos do frango que saiu pelo Porto de Paranaguá foram China, Japão, Arábia Saudita, Emirados Árabes e Hong Kong.

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Relacionado

Conteúdo original Revista DBO