Fertilizantes Heringer entra com pedido de recuperação judicial

A empresa também comunicou suspensão de atividades e demissões em MT, MS, MG, GO, RS, PR e SE

A companhia de fertilizantes Heringer entrou ontem com pedido de recuperação judicial junto a comarca de Paulínia, interior do Estado de São Paulo. De acordo com comunicado divulgado ao mercado, a empresa destaca que a sua situação financeira agravou-se nos últimos tempos diante da “conjuntura adversa” que atinge o setor.

+Fertilizantes: demanda no Brasil deve crescer 3,2% ao ano até 2022
+Justiça aceita pedido de recuperação judicial da Heringer

A empresa também comunicou a reestruturação da sua área operacional e administrativa, com suspensão das atividades nas unidades de mistura localizadas em Rondonópolis (MT), Dourados (MS), Três Corações (MG), Uberaba (MG), Rio Verde (GO), Porto Alegre (RS), Rio Grande (RS), Paranaguá (PR) e Rosário do Catete (SE). Os funcionários dessas operações foram demitidos, segundo a própria Heringer.

“A companhia acredita e trabalha pela superação desse momento e, para assegurar sua perenidade, necessita manter grande disciplina financeira, tomando ações imediatas com o objetivo de obter rentabilidade e ganho de eficiência operacional, dentro de uma estrutura mais enxuta e dinâmica”, afirma a Heringer em fato relevante ao mercado.

O pedido de recuperação judicial também será submetido à assembleia geral da companhia.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on skype
Skype
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on email
Email
Share on pocket
Pocket

Posts Relacionados:

Menu

GALERIA DE FOTOS DO INSTAGRAM

Acompanhe e compartilhe:

Fechar Menu
×
×

Carrinho