Fim de subsídio na conta de luz inviabiliza irrigação, aponta SRB

Brasil está entre os dez países com a maior área irrigada do planeta, com 6,95 milhões de hectares, segundo dados da ANA

A Sociedade Rural Brasileira (SRB) divulgou nota nesta quinta-feira, 28 de fevereiro, manifestando apoio à revogação do Decreto nº 9.642/2018, que reduz gradativamente os descontos concedidos em uso do sistema de distribuição e tarifa de energia elétrica para a agricultura brasileira. De acordo com a entidade, a medida aprovada ainda no governo de Michel Temer, no ano passado, tende a inviabilizar as atividades de irrigação no país.

+Tereza Cristina defende descontos na conta de luz do produtor rural
+Agronegócio luta para manter subsídio em conta de luz
+Subsídio de energia para agronegócio é questionado

“O desconto é um incentivo para o setor concentrar o uso da maior parte dos equipamentos elétricos nos horários de menor consumo de energia e, portanto, reduzir a demanda nos horários de pico. O Decreto assinado no final do ano onera o produtor rural, o que pode impactar significativamente o agronegócio”, aponta Marcelo Vieira, presidente da SRB, em nota.

Segundo dados da Agência Nacional de Águas (ANA), o Brasil está entre os dez países com a maior área irrigada do planeta, com 6,95 milhões de hectares (Mha).

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on skype
Skype
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on email
Email
Share on tumblr
Tumblr
Share on print
Print

Veja também:

Fechar Menu
×

Carrinho