Fórum Paulista do Agro diz ser contra ‘aumento silencioso’ de impostos

Entre os alimentos afetados podem estar ovo, leite, carnes, diesel, etanol, farinha de trigo e insumos agropecuários

O Fórum Paulista do Agronegócio afirmou, em comunicado, que o artigo 24 do Projeto de Lei 529/20, enviado pelo governo do Estado de São Paulo, seria um “aumento silencioso” de impostos.

O parágrafo único do artigo diz: “Para efeito desta lei, equipara-se a benefício fiscal a alíquota fixada em patamar inferior a 18% (dezoito por cento)”.

O comunicado do fórum de associações do agronegócio paulista afirma: “sem poder dizer que vai aumentar os impostos, o governo inventou que as alíquotas inferiores a 18% são equiparadas a benefícios fiscais para poder aumentá-las”.

Entre os produtos que podem ter preços afetados pela legislação, segundo a nota, estão ovo, pão, leite, carnes, diesel, etanol, farinha de trigo e insumos agropecuários.

O projeto está sendo analisado com urgência pela Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo. A nota do Fórum Paulista do Agronegócio afirma: “ou o governo e os deputados estaduais retiram o art. 24 do Projeto, ou a intenção ficará clara: querem subir os impostos e ponto”.

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.