“Hambúrgueres alternativos não passam de modismo”

Especialista faz uma lista das dietas que um dia estiveram na moda e prevê vida curta no consumo de hambúrgueres vegetais

Recentemente, a gigante em alimentos Nestlé e a rede de fast-food Burger King anunciaram a decisão de começar a produzir hambúrgueres vegetarianos. Na visão do norte-americano Gregory Bloom, um técnico em qualidade que trabalha na linha de abate de unidades de produção de carne bovina nos Estados Unidos, a atual onda das proteínas à base de vegetais e das chamadas carnes artificiais produzidas em laboratórios não passam de mais “um dos muitos modismos alimentares”.

Segundo Bloom, essa mania que hoje chama a atenção de um grande número de pessoas no mundo, assim como muitas outras que já perpetuaram no passado recente, tende a “desaparecer” das dietas preferenciais dos consumidores. “Estamos apenas no meio de outra moda de dez anos”, diz Gregory Bloom, em artigo publicado pelo portal norte-americano Meatingplace.

Continue a leitura após o anúncio

Para reforçar a sua teoria, Bloom listou algumas das dietas de “moda passageira” do século passado:

1820 – Lord Byron populariza a “Dieta do Vinagre e da Água”, que envolve beber água misturada com vinagre de maçã.

1930 – A “Dieta da Grapefruit” (também conhecida como a Dieta de Hollywood) é criada. O plano popular exigia comer toranja (fruto também chamado de jamboa, laranja-melancia, laranja vermelha, entre outros nomes) em todas as refeições.

1950 – A dieta da “sopa de repolho” prometia a perda de 10 kg a 15 kg em uma semana.

1975 – Um médico da Flórida criou a “Cookie Diet”, um plano em que você come biscoitos feitos com uma mistura de aminoácidos.

1985 – Harvey e Marilyn Diamond publicaram a “Fit for Life”, que proibia carboidratos complexos e proteínas de serem consumidos durante a mesma refeição.

1988 – A “Dieta Líquida”: Oprah Winfrey caminhou até o set de seu show, puxando dramaticamente uma carroça cheia de gordura para representar os 67 quilos que ela perdeu nessa dieta moderna.

1992 – Robert C. Atkins, MD, publicou o “Dr. Atkins ‘New Diet Revolution”, um plano de alta proteína e baixo teor de carboidratos.

2000 – Gwyneth Paltrow promove a “Dieta Macrobiótica”, uma dieta japonesa restritiva baseada em grãos integrais e vegetais.

Essas dietas, diz o especialista norte-americano, são apenas uma pequena parte dos modismos alimentares do século passado. Há simplesmente muitos outros para listar, ressalta Gregory Bloom. “De tempos em tempos, sempre surge algo de ‘novo’ que tem a pretensão de ser um atalho para a saúde ideal. Mas as manias sempre vão desaparecer; não temos nada a temer com esses modismos atuais; pode vir!”, conclui o especialista.

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Revista DBO – Saindo na frente

Confira a edição de setembro, que traz o “Especial de Genética e Reprodução” com 7 reportagens exclusivas, além de outras 21 reportagens e análises sobre o mundo da pecuária

Revista DBO – Saindo na frente

Confira a edição de setembro, que traz o “Especial de Genética e Reprodução” com 7 reportagens exclusivas, além de outras 21 reportagens e análises sobre o mundo da pecuária

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Conteúdo original Revista DBO