IBGE registra queda na captação de leite no 2º trimestre de 2020

Segundo o instituto, os 2° trimestres regularmente apresentam a menor captação, devido à etapa de entressafra nas principais bacias leiteiras do país

O IBGE registrou uma aquisição de 5,76 bilhões de litros de leite cru entre os meses de abril e junho de 2020, quantidade 1,7% menor na comparação com o mesmo período de 2019 e 9,3% a menos que nos primeiros três meses deste ano. A informação foi divulgada nesta quinta-feira (10/9) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Continue a leitura após o anúncio

Conforme o IBGE, o volume é o terceiro maior para um segundo trimestre na série histórica do instituto, atrás apenas dos períodos equivalentes em 2019 e 2014. O instituto aponta que os 2° trimestres regularmente apresentam a menor captação, devido à etapa de entressafra nas principais bacias leiteiras do país

Os efeitos da pandemia de Covid-19 também impactaram o setor, ao reduzir o consumo de derivados lácteos. Apesar disso, considerando a série histórica, iniciada em 1997, o resultado representa a terceira maior captação de leite acumulada em um 2° trimestre“, informa o IBGE.

O mês de maior captação dentro do segundo trimestre de 2020, foi abril, no qual foram contabilizados 1,94 bilhão de litros de leite.

No comparativo do 2º trimestre de 2020 com o mesmo período em 2019, o decréscimo de 102,06 milhões de litros de leite captados em nível nacional é proveniente de reduções registradas em 16 das 26 Unidades Federais participantes da Pesquisa Trimestral do Leite.

Em nível de Unidades da Federação, as diminuições mais significativas ocorreram em Goiás (-45,16 milhões de litros), Rio Grande do Sul (-44,38 milhões de litros), Paraná (-31,97milhões de litros), Rio de Janeiro (-13,44 milhões de litros) e São Paulo (-9,57 milhões de litros).

Por outro lado, houve aumento na captação de leite em em Sergipe (+18,89 milhões de litros), Rondônia (+18,27 milhões de litros) e Bahia (14,84 milhões de litros). Minas Gerais continuou liderando o ranking de aquisição de leite, com 25,4% da captação nacional, seguido por Paraná (12,8%) e Rio Grande do Sul (12,2%).

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Revista DBO – Saindo na frente

Confira a edição de setembro, que traz o “Especial de Genética e Reprodução” com 7 reportagens exclusivas, além de outras 21 reportagens e análises sobre o mundo da pecuária

Revista DBO – Saindo na frente

Confira a edição de setembro, que traz o “Especial de Genética e Reprodução” com 7 reportagens exclusivas, além de outras 21 reportagens e análises sobre o mundo da pecuária

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Conteúdo original Revista DBO