“Já comi mais de uma tonelada de carne de 2018 para cá”, diz influenciadora digital

Com milhares de seguidores em redes sociais, Jade Soller se tornou uma das expoentes do carnivorismo, dieta que tem como base o consumo exclusivo de alimentos de origem animal

A paulistana Jade Soller, 33 anos, advogada, graduanda e pós-graduanda em Nutrição, na média, come mais carne que qualquer pessoa no mundo. Ela afirma que come 1 kg de carne por dia, o que dá 365 kg por ano.

Segundo dados de 2018 da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO, na sigla em inglês), os Estados Unidos lideram o consumo de carnes, incluindo carnes suína, de aves e de outros animais.

Em média, cada americano consome 123,15 kg por ano; os argentinos vêm em segundo lugar, com 116,52 kg por ano; os australianos, com 113,03 quilos por ano; e os brasileiros aparecem em quarto lugar, com 99,31 kg por ano.

Foto: Divulgação

“O pessoal vai saltar os olhos quando eu disser que eu já comi mais de uma tonelada de carne de 2018 para cá”, diz Jade.

A especialista em Nutrição foi a convidada do programa DBO Entrevista que foi ao ar nessa segunda-feira (31/5). Jade contou que abandonou sua carreira no Direto para advogar a uma causa somente: o consumo exclusivo de carne no País.

Com 68,2 mil seguidores no Instagram, ela se tornou uma das expoentes do carnivorismo no País, dieta com base no consumo exclusivo por alimentos de origem animal, como carnes, leites, ovos, mel e frutos do mar.

Ela segue preceitos de outros nomes importantes do carnivorismo, como os médicos americanos Shawn Baker e Paul Saladino, defendendo que a dieta humana deveria se basear estritamente em consumo de proteína animal, o que elevaria os índices de saúde das pessoas, resolvendo inclusive problemas de sobrepeso.

Sem dor alguma

“Em 2017, eu sofria com muita dor abdominal e essa dor abdominal não era diagnosticada, passei por vários médicos e fiz muitos exames. Infelizmente ninguém conseguiu descobrir o que eu tinha”, conta Jade.

Foi naquele ano que Jade passou estudar mais sobre o assunto, e descobriu por um acaso o carnivorismo. Em 2018, ela passa a fazer graduação e pós-graduação em Nutrição e adotar por completo sua dieta, comendo apenas alimentos de origem animal. De lá para cá, seus problemas de saúde acabaram.

A dieta, além de resolver suas dores abdominais, fizeram sumir por completo também dores de cabeça, problemas com acne, dores no corpo, sangramento na gengiva, perda de memória e aftas na boca.

“A dieta carnívora é completa. A gente tende a pensar que na carne só encontramos proteínas, mas é um alimento completo com todas as vitaminas e minerais que precisamos, inclusive a vitamina C”, diz Jade.

Até suco de fígado?

Jade, por exemplo, faz três refeições diárias, dando preferência a carnes bovina – e aí vale tudo no boi, pode ser cortes nobres e igualmente cortes mais econômicos, além de vísceras e ossos. O único cuidado é que a janta deve ser o mais cedo possível.

Uma das curiosidades da dieta da influenciadora digital é uma bebida à base de fígado cru batido com um suplemento de proteína em pó.

“Eu gosto de bater ele cru e congelado junto com o Whey Protein. Eu tomo pela manhã. Para quem tiver curiosidade, faça o teste. O gosto do fígado é de fato mais forte, mas fica bem ameno quando a gente mistura com um suplemento de proteína”, diz Jade.

Assista a entrevista na íntegra:

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

A aposta do Grupo Webler na cria

VEJA os destaques da edição de julho da Revista DBO; na capa, o Grupo Webler, forte em agricultura e pecuária, está dobrando a aposta na intensificação da cria em sua propriedade em Sapezal, no noroeste de Mato Grosso

A aposta do Grupo Webler na cria

VEJA os destaques da edição de julho da Revista DBO; na capa, o Grupo Webler, forte em agricultura e pecuária, está dobrando a aposta na intensificação da cria em sua propriedade em Sapezal, no noroeste de Mato Grosso

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.