Matriz da raça Santa Gertrudis é valorizada em R$ 126.000

O balcão eletrônico de estreia da Fazenda Mangabeira (Japaratuba, SE) registrou movimentação financeira superior a R$ 900.000
Hora da Mangabeira, de 26 meses, teve cota de 50% negociada por R$ 63.000 (Foto: Divulgação)

Exemplares rústicos e avaliados da raça Santa Gertrudis, selecionados totalmente a pasto sob as condições extremas da região Nordeste no município de Japaratuba, SE, foram ofertados em 19 de setembro durante a 1ª edição do “Leilão Virtual Fazenda Mangabeira” – criatório que acumula 42 anos de seleção e melhoramento genético e é capitaneado pelo pecuarista Gustavo Baretto da Cruz.

O balcão eletrônico de estreia da marca FM movimentou R$ 914.985 com a venda de doses de sêmen, reprodutores prontos para o serviço a campo e fêmeas prenhes avaliadas pelo Programa Geneplus, da Embrapa, além de contar com mensurações de carcaça por ultrassonografia.

Foram às compras investidores de nove estados: Sergipe, Alagoas, Bahia, Tocantins, Goiás, Minas Gerais, Pará, São Paulo e Pernambuco; a liquidez foi total.

As negociações envolvendo 18 touros da raça sintética apontaram valor médio de R$ 25.983  – valor equivalente a 88,[email protected] de boi gordo para pagamento à vista em Alagoas (R$ 294,5/@), segundo informações da Scot Consultoria. O garrote High Star da Mangabeira FIV (safra 2019 e CE 33) se destacou na categoria, sendo arrematado por R$ 39.000 pela Fazenda São Luiz Gonzaga.

Nas fêmeas, as aquisições somaram 13 animais à média de R$ 32.215. Entre elas, o lote mais valorizado do remate: a matriz Hora da Mangabeira, de 26 meses de idade e que teve cota de 50% negociada por R$ 63.000 para o condomínio formado por Fabiano Menotti, Antonio Roberto Alves Correa (Fazenda União do Brasil – Buri, SP) e Fazenda Mangabeira.

A fêmea, valorizada em R$ 126.000, foi campeã da prova de desempenho a pasto do criatório sergipano, feita em parceria com a Embrapa e a Associação Brasileira de Santa Gertrudis (ABSG); Hora da Mangabeira saiu prenhe de Gladiador SA TE.

As captações dos lances, fixados para pagamentos em 30 parcelas, foram coordenadas em estúdio diretamente de Maceió, AL, pelo leiloeiro rural Nilson Genovesi. O evento chancelado pela ABSG foi organizado pela Agreste Leilões, com transmissão pelo site da leiloeira e Lance Rural.

Acompanhe os resultados dos principais pregões de todo o Brasil no Jornal de Leilões

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.