Nestlé cria a primeira bebida plant-based para crianças

Companhia estabelece como meta estratégica desenvolver produtos à base de plantas

Os consumidores estão cada vez mais atentos a alimentos de origem vegetal e os produtores de proteína animal precisam acompanhar esse movimento. A Nestlé é uma das companhias que vem investindo em produtos plant-based globalmente. No Brasil, entre 2017 e 2019, foram mais de R$ 15 milhões em portfólio à base vegetal, entre amêndoa, aveia, ervilha e arroz.

Os alimentos plant-based constituem parte da alimentação vegana e vegetariana, mas também atendem aos flexitarianos, ou seja, pessoas que seguem uma mudança de comportamento para reduzir o consumo de itens de origem animal. De acordo com pesquisa Ibope (2018) cerca de 14% dos brasileiros se declaram vegetarianos, o que significa algo em torno de 29,2 milhões de pessoas, considerando a base do IBGE. Ainda de acordo com o Ibope, essa população cresceu 75% nas regiões metropolitanas em relação a mesma pesquisa realizada em 2012.

Continue a leitura após o anúncio

É um mercado em plena ascensão. A oferta de produtos veganos, por exemplo, cresceu 677% no Brasil entre 2014 e 2018, de acordo com dados da Mintel. Nesse contexto, uma das principais tendências são as bebidas vegetais que ais cresceu 76% de 2018 para 2019 globalmente, de acordo com dados Nielsen.

A mais recente novidade da Nestlé é uma extensão da linha Ninho, agora com opção vegetal. A bebida foi feita à base de ervilha e aveia, pronta para beber.  No mundo, esse é o primeiro alimento de origem vegetal da Nestlé desenvolvido para o público infantil.  Fonte: Ascom.

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Conteúdo original Revista DBO