Nestlé registra receita de US$ 68,5 bilhões até setembro

Resultado representa uma queda de 9,4% na comparação com o mesmo período de 2019
Foto: Reprodução/Internet

A Nestlé informou nesta quarta-feira (21/10) que a receita bruta da companhia no acumulado deste ano, até setembro, diminuiu 9,4% ante igual período de 2019, atingindo 61,9 bilhões de francos suíços (cerca de US$ 68,5 bilhões) ante 68,4 bilhões de francos suíços obtidos no ano anterior.

A Nestlé informou que “desinvestimentos e o câmbio reduziram as vendas em 12,9% no acumulado de 9 meses”. No período, o crescimento orgânico da Nestlé manteve-se em de 3,5%, com crescimento interno real de 3,3%, impulsionado por um forte desempenho, principalmente nas Américas, das marcas Purina PetCare e Nestlé Health Science, bem como pela aceleração de negócios de café no terceiro trimestre.

A Nestlé permaneceu resiliente em um ambiente difícil e volátil. Nosso pessoal agiu de maneira responsável e rápida para mitigar o impacto da pandemia global e se adaptou rapidamente às necessidades em evolução dos consumidores“, afirmou o CEO da companhia, Mark Schneider.

A companhia suíça disse que a demanda por produtos de consumo em casa permaneceu forte ao longo do período de 9 meses, enquanto o desempenho de produtos fora de casa foi negativo.

O e-commerce cresceu no período, atingindo 12,3% das vendas totais do grupo. A Nestlé elevou sua projeção para o ano inteiro, dizendo que agora espera um crescimento orgânico das vendas em torno de 3%. Anteriormente, ela tinha como meta um crescimento orgânico na faixa de 2% a 3%.

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.