Prazo para declaração de rebanho em Rondônia é prorrogado até 30 de junho

Com autorização do Ministério da Agricultura (Mapa), o pecuarista do estado não precisa vacinar seus animais contra a febre aftosa

O Governo de Rondônia, por iniciativa da Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado (Idaron), prorrogou o prazo para a declaração de rebanhos ao serviço veterinário oficial.

De acordo com a portaria nº 317, publicada nesta última segunda-feira (11), o produtor terá até o dia 30 de junho para fazer a declaração. A campanha é voltada aos criadores de bovinos, bubalinos, suínos, caprinos, ovinos (animais suscetíveis à febre aftosa), equídeos e aves.

Continue a leitura após o anúncio

+ Fazendas de Mato Grosso devem atualizar dados de rebanho; veja lista
+ Vacinação contra aftosa está suspensa no Acre, Rondônia e Rio Grande do Sul

“A medida atende determinação do governador Marcos Rocha, que busca minimizar os riscos de exposição do servidor e do pecuarista ao coronavírus. Então, para que não haja correria nem aglomeração de pessoas nas unidades, o governo entendeu por bem estender o prazo para que todos os criadores de animais possam ter tempo de fazer a declaração remotamente, por telefone ou pela internet”, explicou o médico veterinário Júlio Cesar Rocha Peres, presidente da Idaron.

A declaração pode ser feita pela internet, no site da Idaron (www.idaron.ro.gov.br), por telefone e também pode ser enviada por e-mail ou WhatsApp (da unidade mais próxima da propriedade do declarante).

Disque IDARON: 0800 643 4337

Fonte: Ascom Idaron

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Conteúdo original Revista DBO