Produção de milho do Brasil deve alcançar 94,1 mi de t em 2018/19

Clima tem sido "bastante favorável" para o desenvolvimento da safrinha de milho, afirmou o chefe de grãos da Datagro

A consultoria Datagro estimou nesta terça-feira, 2, que o Brasil deve produzir 64,4 milhões de toneladas de milho de inverno na safra 2018/19, um aumento de 21% ante a temporada anterior. Para a safra de verão, a projeção de produção é de 26,7 milhões de toneladas, crescimento de 3% ante 2017/18. A produção total do Brasil deve atingir 94,1 mi de t em 2018/19 (+15% ante o ciclo anterior).

Continue a leitura após o anúncio

Segundo o chefe de grãos da Datagro, Flávio Roberto de França Jr., até momento, o clima tem sido “bastante favorável” para o desenvolvimento da safrinha de milho, com chuvas regulares. “Podemos ter uma surpresa positiva no número da safra de inverno.” Segundo ele, com as precipitações registradas em boa parte das regiões produtoras até o momento, já é possível dizer que esta deve ser uma safra superior à de 2018.

A colheita de verão, segundo França Jr., está dentro da média histórica, em 69,3% do total, e o plantio de inverno está praticamente concluído, com 98,7% da área plantada, em comparação com média de 99,0%.

Soja

Para a soja, a consultoria elevou sua previsão de produção em 2018/19 para 112,9 milhões de toneladas, o que representa uma queda de 8% ante o ciclo anterior 2017/18. Até o mês passado, a Datagro projetava produção de 112 milhões de toneladas.

Apesar de ser uma área recorde, de 36 milhões de hectares (+2% ante o ciclo anterior), a produtividade deve fechar 9% abaixo de 2017/18, em 3.145 quilos por hectare. “Até novembro o clima foi bem favorável, o que permitiu a aceleração do plantio mas em dezembro e parte de janeiro ocorreram perdas significativas por falta de chuvas”, explicou França Jr.

O clima irregular em partes das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste reduziu o potencial da safra, que era inicialmente de 125 milhões de toneladas. Ele ponderou, contudo, que as lavouras mais tardias vêm registrando resultados melhores do que as precoces, o que tem contribuído para elevar a produtividade média ante os resultados iniciais da safra.

Segundo a Datagro, até sexta-feira, 77,9% da safra estava colhida, em comparação com 77,43% da média histórica.

Fonte: ESTADÃO CONTEÚDO

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Conteúdo original Revista DBO