Prova de ganho de peso da Criasul é aberta oficialmente em Rondonópolis

Além da rotina de pesagem, os 70 animais também serão submetidos a avaliação pelo método EPMURAS, medida de CE e ultrassonografia de carcaça

Com a participação da ABCZ, foi aberta oficialmente na última sexta-feira (29), a 8ª Prova de Ganho de Peso IDC da Associação dos Criadores do Sul de Mato Grosso (Criasul).

A prova, que conta com a participação de mais de 70 exemplares da raça Nelore, de 16 criadores diferentes, é realizada em Rondonópolis (MT).

“Esses animais serão submetidos ao mesmo manejo e alimentação, e iremos avaliar a diferença na performance de cada um deles, correlacionando com as diferenças genéticas que apresentam, permitindo que a gente conheça os animais superiores dentro da prova”, explica Gabriel Pedrosa, coordenador Regional de Fomento da ABCZ.

Ele complementa revelando ainda que a prova seguirá até o dia 18 de novembro, quando acontece a pesagem final. Além da rotina de pesagem os animais também serão submetidos a avaliação pelo método EPMURAS, medida de circunferência escrotal (CE) e ultrassonografia de carcaça.

VEJA TAMBÉM | Goiás recebe a primeira etapa do 24° Circuito Nelore de Qualidade

Sérgio Nascimento, do Grupo Celeiro, um dos responsáveis pela prova, complementa destacando a importância da PGP para o desenvolvimento do melhoramento genético do rebanho mato-grossense.

“Essa já é a nossa oitava edição, tendo a prova sido criada para fomentar ainda mais o melhoramento genético da nossa região, além da participação de outros criadores também de todo o estado. Dessa prova já saíram vários touros de central, sendo que a cada ano percebemos o melhoramento aumentando ainda mais”.

Além do coordenador Regional de Fomento da ABCZ, Gabriel Pedrosa, também acompanha a prova o Técnico de Campo da entidade, Rafael Resende.

Fonte: Ascom ABCZ

Compartilhe
WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
Email

Revista DBO | Nova revolução no cocho

VEJA os destaques da edição de agosto e o Especial Confinamento; na capa, com quase nada ou zero volumoso, a chamada ‘dieta fast’ ganha os cochos, melhora o desempenho dos animais e simplifica as operações.

Revista DBO | Nova revolução no cocho

VEJA os destaques da edição de agosto e o Especial Confinamento; na capa, com quase nada ou zero volumoso, a chamada ‘dieta fast’ ganha os cochos, melhora o desempenho dos animais e simplifica as operações.

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.