Virtuais em Montes Claros ultrapassam R$ 12 milhões

Eventos ofertaram matrizes e touros, lotes de animais para cria, recria e engorda, além de exemplares da raça Girolando


A Sociedade Rural de Montes Claros, em Minas Gerais, promoveu entre os dias 26 de junho e 5 de julho uma rodada de seis remates virtuais com a oferta de exemplares de genética seletiva e lotes de gado comercial, oriundos de diversas propriedades da região Norte do estado.

Sem presença de público e com animais filmados, os eventos online cumpriram a agenda da Expomontes 2020 e foram transmitidos do recinto de leilões Daul Soares Dias, localizado no parque da Exposição Agropecuária Regional de Montes Claros. A tradicional feira mineira, que no ano passado recebeu cerca de 400 mil pessoas e estava programada para os dias 2 a 12 de julho, foi cancelada por causa da pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Continue a leitura após o anúncio

Registrando alta liquidez, a movimentação financeira total chegou aos R$ 12,5 milhões graças à comercialização de 5.073 exemplares, incluindo matrizes e touros Nelore PO, animais para reposição, além de bovinos leiteiros da raça Girolando.

Na noite de 26 de junho foi realizado o “Leilão Novilho Precoce – Edição Virtual”. O pregão faturou R$ 3,3 milhões com a venda de 1.529 machos Nelore e produtos de cruzamentos à média geral de R$ 2.161. Em 28 de junho aconteceu a terceira edição do “Leilão Matrizes do Futuro” com a oferta exclusiva de fêmeas, produtos de IATF. As negociações envolveram 957 reses por R$ 2.421, em média.

O “14º Leilão de Touros Nelore OMJ e RDB”, realizado no dia 30, apresentou ao mercado exemplares Nelore PO avaliados pelo PMGZ, da ABCZ, além de lotes de bezerras e bezerros de corte. Os investidores arremataram 122 animais, gerando liquidez total e receita de R$ 877.850; a média geral para os bovinos melhoradores foi de R$ 20.268 e de R$ 2.547 no gado geral.

No dia 2 de julho, o “Leilão Confboi, BR Embriões e Parceiros” vendeu machos para recria e engorda e fêmeas para reprodução ao valor médio geral de R$ 2.080. Foram negociadas 2.136 cabeças ao valor total de R$ 4,4 milhões.

Na noite de 4 de julho, a pecuária leiteira foi o destaque da programação virtual durante o “28° Leilão Girolando do Norte de Minas” com a oferta fêmeas em lactação, novilhas e bezerras e reprodutores, produtos de IA. A fatura chegou aos R$ 311.350 com a venda de 63 lotes selecionados.

Fechando a agenda eletrônica da Expomontes, foi realizado em 5 de julho o “Leilão Virtual de Touros Fazenda Araras”, que movimentou R$ 1,2 milhão com a oferta de baterias de gado geral e reprodutores Nelore PO, criados a pasto e provados no PMGZ, da ABCZ. Exemplares da Colonial Agropecuária também foram comercializados.

A média resultante com a venda de 220 bezerros de corte atingiu R$ 2.395. Já os 46 touros saíram à média de R$ 16.660 – valor equivalente a 80,1 arrobas de boi gordo para pagamento à vista no Norte de Minas Gerais (R$ 207/@), de acordo com a Scot Consultoria.

O leiloeiro rural Cláudio Gasperini comandou o martelo em todos os pregões. A organização foi da Confboi Leilões, com transmissão pelo YouTube da leiloeira e na VinTV Canal 20 Master, com abrangência em Montes Claros.

Acompanhe os resultados dos principais pregões de todo o Brasil no Jornal de Leilões

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Conteúdo original Revista DBO