[full-banner-1170-x-134-home-geral1]

Revista DBO | “Raspadinha” de sucesso

Adesivos de detecção de cio aumentam a taxa de prenhez e otimizam o uso do sêmen, permitindo também identificar vacas que precisam de uma “ajudinha” para ovular.

Adesivo aplicado próximo à inserção da cauda.

Por Carolina Rodrigues

Na pecuária moderna, a observação de cio é um manejo em desuso em função do avanço da inseminação artificial em tempo fixo (IATF) nas fazendas brasileiras, técnica que permite sincronizar e induzir a ovulação das fêmeas expostas à reprodução. O que muita gente não sabe, entretanto, é que identificar quais vacas que expressam cio, mesmo nos protocolos de sincronização, é fundamental para se obter melhor taxa de prenhez na estação de monta.

Foi o que constatou um grupo de produtor assessorados pela Nutrigen, consultoria em reprodução bovina, com sede em Paragominas (PA), um dos pólos de difusão da IATF no País, segundo dados da Associação Brasileira de Inseminação Artificial (Asbia). Eles têm usado uma ferramenta simples e prática: os adesivos para detecção de cio, que funcionam como alternativa à observação visual e permitem identificar estro inclusive em períodos noturnos. O emprego desses dispositivos baratos (R$ 10 a unidade) vem crescendo em fazendas de cria do País como ferramenta auxiliar à IATF.

Álvaro Borba Neto, proprietário da Nutrigen, que assessora 38 fazendas num raio de 220 km de Paragominas, explica como o adesivo funciona. “Não se trata de uma grande novidade; ele já é usado na pecuária de corte e de leite há alguns anos, mas foi aperfeiçoado mais recentemente. É colocado próximo à cauda da fêmea e vai se desgastando gradativamente, caso ocorra monta por um rufião ou mesmo outras matrizes do lote, até o momento da IATF. Quanto mais desgastado o adesivo, maior o nível de cio da fêmea”.

 

Para continuar lendo é preciso ser assinante.

Você merece este e todo o rico conteúdo da Revista DBO.
Escolha agora o plano de assinatura que mais lhe convém.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Se já é assinante, entre com sua conta

This post is only available to members.
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Pocket
WhatsApp
Skype
Email
Telegram
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Pocket
Email
Tumblr
Print
2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.