Santa Catarina regulamenta produção de queijo artesanal de leite cru

Secretaria de Agricultura informou que a produção de queijo artesanal com leite cru é restrita à propriedade rural certificada como livre de brucelose e tuberculose

O Estado de Santa Catarina regulamentou a produção de queijo artesanal de leite cru. Segundo a legislação, queijo artesanal é aquele elaborado com leite cru recém-ordenhado na própria fazenda, “beneficiado por meio de métodos tradicionais, que mantenham as características histórico-culturais e regionais, vinculados ao território de origem, com uso de mão de obra predominantemente familiar, produzido conforme tipo e variedade definidos em Regulamento Técnico de Identidade e Qualidade (RTIQ)”.

Ainda conforme, o Decreto nº 362, publicado no Diário Oficial da última sexta-feira, 22, além do leite cru, podem ser matéria-prima para produção do queijo artesanal condimentos naturais, corantes naturais, coalhos/coagulantes, sal (cloreto de sódio ou outro que exerça a mesma função), fermentos e outras substâncias de origem natural, sendo permitida a utilização de aditivos descritos nas receitas originais.

Continue a leitura após o anúncio

Em nota, a Secretaria de Agricultura informa que a produção de queijo artesanal com leite cru é restrita à propriedade rural certificada como livre de brucelose e tuberculose, de acordo com o disposto no Programa Nacional de Controle e Erradicação da Brucelose e da Tuberculose Animal (PNCEBT).

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Conteúdo original Revista DBO