Senepol da Conquista faz pista limpa com touros à média de quase R$ 19.000

O selecionador Fábio Mello apresentou reprodutores com medições de ultrassonografia de carcaça e avaliações do Programa Geneplus/Embrapa
Foto: Divulgação

Touros registrados e criteriosamente avaliados da raça Senepol encheram a grade de programação do canal Terraviva em 21 de novembro durante a 12ª edição virtual do “Leilão Genética Senepol-MT”. O balcão de negócios promovido pelo selecionador Fábio Mello teve 100% de liquidez e movimentou R$ 981.300, tendo como maior comprador o pecuarista Manuel Fernandes, da Venezuela.

VEJA TAMBÉM | Senepol da Conquista arrecada quase R$ 2 milhões

Os exemplares apartados para o pregão e filmados no criatório localizado em Rosário Oeste, MT, trouxeram mensurações de ultrassonografia de carcaça e avaliações do Programa Geneplus/Embrapa, além de índices do Centro de Perfomance Senepol da Conquista – prova intrarrebanho responsável pela seleção de animais mais eficientes para Consumo Alimentar Residual (CAR).

Os lotes também saíram com indicações específicas para utilização (produção de sêmen, rebanhos PO e cruzamentos). No total, foram comercializados 52 reprodutores da geração 2018 ao preço médio geral de R$ 18.871. Na conversão por boi gordo, a valor equivale a 71,[email protected] para pagamento à vista em Cuiabá (R$ 265/@), de acordo com levantamento da Scot Consultoria.

A organização do evento ficou a cargo da Estância Bahia Leilões, com retransmissão pelo EBL Web. O leiloeiro rural Adriano Barbosa coordenou as captações dos lances no estúdio da leiloeira, em Cuiabá. Pagamentos: 40 parcelas.

Acompanhe os resultados dos principais pregões de todo o Brasil no Jornal de Leilões

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Sou pecuarista e esse frigorífico é meu

Leia a Revista DBO que encerra o ano de 2020. Ela conta a mais nova façanha da Cooperaliança, a primeira cooperativa a verticalizar a cadeia da carne bovina, além de trazer outras 25 reportagens e artigos.

Sou pecuarista e esse frigorífico é meu

Leia a Revista DBO que encerra o ano de 2020. Ela conta a mais nova façanha da Cooperaliança, a primeira cooperativa a verticalizar a cadeia da carne bovina, além de trazer outras 25 reportagens e artigos.

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.