Simental do Neto gera receita de R$ 199.200 em Itapetininga

Com 100% de liquidez, o pregão paulista negociou 28 vacas e novilhas com base na genética austríaca


O criador Francisco de Araújo Mendonça promoveu em 28 de setembro, em Itapetininga, no interior de São Paulo, o inédito “1º Leilão Simental do Neto”. Em pista, fêmeas selecionadas com base na genética do Simental Austríaco.

Com 100% de liquidez e dez investidores, entre novos e antigos selecionadores, a movimentação financeira com a comercialização de 28 vacas e novilhas atingiu R$ 199.200, à média geral de R$ 7.114.

Continue a leitura após o anúncio

“É recompensador ver o interesse de novos pecuaristas. O Simental de dupla-aptidão responde muito bem ao objetivo de cada criador, seja corte ou leite”, afirmou Francisco de Araújo, um dos criadores mais tradicionais da raça no Brasil.

Entre os destaques, Salvia do Frans, neta de Bibi – uma das grandes doadoras austríacas. Ela foi arrematada pelo preço de R$ 10.800 por Adriana e Erivaldo do Nascimento (Sítio Coqueiral, São Miguel Arcanjo, SP). “Foi uma oportunidade importante de adquirir animais da raça Simental”, comenta Adriana, que tem projeto de pecuária leiteira em expansão.

Outra fêmea bastante disputada no remate e que também saiu por R$ 10.800 foi Zira do Frans, adquirida por Luis Fernando Alves Viana Monteiro. Ela é da família da matriarca Stella, uma doadora da Áustria que em sua segunda cria produziu 9.574 kg de leite.

O leilão foi organizado pela Ouro Branco Eventos e Nova Leilões, com assessoria técnica de Paulo Tonin.

* Com informações da assessoria de imprensa  

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Conteúdo original Revista DBO