Sindilat estuda integrar Programa de Exportação da Apex-Brasil

Segundo o presidente do sindicato, Alexandre Guerra, a competitividade do setor é um dos fatores que influencia a baixa demanda de exportação de laticínios

O Sindilat estuda a possibilidade de integrar o Programa de Qualificação para Exportação (Peiex) oferecido pela Apex-Brasil, responsável por auxiliar empresas no processo de exportação. Em nota, o Sindilat diz que o projeto foi apresentado nesta terça-feira, 5, pelo gerente do gabinete da presidência da Apex-Brasil, Márcio Rodrigues.

O presidente do Sindilat, Alexandre Guerra, disse que a competitividade do setor é um dos fatores que influencia a baixa demanda de exportação de laticínios.

Continue a leitura após o anúncio

“Possuímos diversos desafios que devem ser trabalhados para melhorar a produtividade da cadeia do leite no mercado, que começa na propriedade. Temos condições de crescer e imprimir qualidade ao nosso produto, mas ainda não somos competitivos o suficiente para nos colocarmos à frente no mercado”, disse.

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Conteúdo original Revista DBO