[full-banner-1170-x-134-home-geral1]

Sustentável por vocação

Do Simental Brasileiro na Serra da Mantiqueira para o Simbrasil em Goiás com ILPF e manejo de pastejo seguindo o modelo Voisin

Linhagem de Simental Brasileiro na Fazenda Cravorona, em Piracaia, SP: projeto agora volta-se para a produção de tourinhos. Foto: Miguel Uchôa

Por Larissa Vieira

O Brasil tornou-se referência mundial no melhoramento genético de diversas raças bovinas importadas e soube utilizar essa genética para formar linhagens puras “tupiniquins” e para dar origem a raças sintéticas. Foi o que aconteceu com o Simental, originário da Suíça, que desembarcou no Brasil em 1904, e o Simbrasil, raça sintética obtida por meio de cruzamentos direcionados entre Simental e raças zebuínas.

Essas duas raças passaram a ser o carro-chefe do projeto de produção de genética bovina conduzido pelo casal João Roberto e Patrícia Sampaio, na Fazenda Cravorana, situada no município de Piracaia (SP), aos pés da Serra da Mantiqueira. A família decidiu trocar o gado leiteiro pelo de corte e apostou no Simental para isso.

Patrícia Sampaio e João Roberto.

“Há mais de 30 anos optamos pela linhagem sul-africana de Simental, tendo como foco a produção de carne. Usávamos os touros produzidos na Cravorana para cruzamento industrial com Nelore na propriedade que temos em Goiás. Porém, como trata-se de uma região mais quente, vimos que a melhor opção seria o Simental Brasileiro, pois é uma linhagem selecionada para regiões de clima tropical, com bovinos mais rústicos, bem adaptados e produtivos mesmo em sistemas a pasto”, explica a criadora Patrícia Sampaio.

O rebanho foi formado inicialmente por absorção, usando para isso touros puros em cima de vacas cruzadas. Atualmente, a maior parte é de animais puros. Com isso, a Cravorana conseguiu ter uma base genética consistente para direcionar seu projeto pecuário para a produção de touros, e não mais para produção de carne, o que já vem ocorrendo há cinco anos.

Para continuar lendo é preciso ser assinante.

Você merece este e todo o rico conteúdo da Revista DBO.
Escolha agora o plano de assinatura que mais lhe convém.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Se já é assinante, entre com sua conta

This post is only available to members.
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Pocket
WhatsApp
Skype
Email
Telegram
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Pocket
Email
Tumblr
Print
2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.