Tailândia abre mercado para lácteos brasileiro

A informação foi anunciada pela ministra da Agricultura, Tereza Cristina
Foto: Pixabay

A Tailândia, país do sudeste asiático, abriu mercado para a exportação de lácteos do Brasil. A informação foi anunciada pela ministra da Agricultura, Tereza Cristina, durante webinar sobre as oportunidades e perspectivas para o setor agropecuário diante da pandemia do novo coronavírus.

Segundo Tereza Cristina, a abertura de novos mercados pode colaborar para melhorar a situação dos produtores de lácteos. O segmento é um dos mais afetados pela pandemia e que, historicamente, enfrenta problemas de preços.

“Com os mercados que abrimos, como China, Tailândia, Egito, Arábia Saudita, esse setor (lácteos) vai poder se equilibrar. Espero que em breve não tenhamos esse sobe e desce do preço. O que precisamos é nos tecnificar”, disse a ministra durante o webinar.

Com a autorização de exportação de lácteos para a Tailândia, o Brasil alcançou a marca de 60 mercados externos abertos para produtos agropecuários desde janeiro de 2019

A ministra ressaltou ainda que a pauta exportadora não deve ficar concentrada somente em soja, milho, carnes e cana-de-açúcar. “O Ministério da Agricultura, na área internacional, optou pela abertura de mais mercados, mas também pela diversificação de produtos”, afirma.

Exportação de lácteos do Brasil

(em milhões de dólares)

2011= US$ 121,0
2012= US$ 118,9
2013= US$ 116,1
2014= US$ 340,7
2015= US$ 319,1
2016= US$ 172,9
2017= US$ 112,5
2018 = US$ 58,2
2019 = US$ 56,9

Dados: Agrostat

Compartilhe
WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
Email

Revista DBO | Nova revolução no cocho

VEJA os destaques da edição de agosto e o Especial Confinamento; na capa, com quase nada ou zero volumoso, a chamada ‘dieta fast’ ganha os cochos, melhora o desempenho dos animais e simplifica as operações.

Revista DBO | Nova revolução no cocho

VEJA os destaques da edição de agosto e o Especial Confinamento; na capa, com quase nada ou zero volumoso, a chamada ‘dieta fast’ ganha os cochos, melhora o desempenho dos animais e simplifica as operações.

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.