Tereza Cristina e secretário americano conversam sobre cooperação e sustentabilidade na área agrícola

Durante videoconferência nesta terça-feira, a ministra reafirmou o interesse do Mapa em fortalecer os laços históricos de colaboração com o USDA
Foto: Mapa

A ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) conversou nesta terça-feira (6/4), por videoconferência, com o Secretário de Agricultura dos Estados Unidos da América, Tom Vilsack. A cooperação entre os dois países na área agrícola, com troca de informações baseadas na ciência, e compromissos com a produção sustentável pautaram a reunião.

A ministra lembrou que Brasil e Estados Unidos têm similaridades, como o fato de serem grandes produtores e exportadores de produtos agrícolas e reafirmou o interesse do Ministério da Agricultura em fortalecer os laços históricos de colaboração com o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos. Ela lembrou que o ano de 2021 deverá ser marcante para a definição do caminho rumo ao desenvolvimento sustentável, “o que reforça a importância de mantermos mecanismos ágeis e transparentes de diálogo e entre nós”.

Não podemos deixar, no entanto, que as preocupações com o meio ambiente se transformem em barreiras ao comércio. A existência de um comércio livre e desimpedido é, na minha visão, um importante elemento para o fortalecimento de uma agricultura sustentável”, destacou Tereza Cristina.

A ministra ressaltou a necessidade de os países do AG-5 (Estados Unidos, Brasil, Canadá, Argentina e México) discutirem questões baseadas na ciência, para desmistificar dúvidas ligadas à agricultura mundial. “Cada vez mais existem interrogações e precisamos mostrar para o mundo que a agricultura pode produzir de maneira saudável e segura”. O secretário americano também reforçou o compromisso dos Estados Unidos para tratar adequadamente as mudanças climáticas, por meio de pesquisas e inovação. “A Inovação desempenhará um papel importante para nos ajudar a nos adaptar, mitigar e a nos ajustar a essa nova realidade que enfrentamos”, disse Vilsack.

Vilsack também falou sobre a cúpula sobre o clima que está sendo organizada pelo governo dos Estados Unidos, prevista para abril. “Os Estados Unidos estão preparados para assumir compromissos com o mundo de acordo com o Acordo de Paris sobre como abordaremos o clima. O presidente (Joe Biden) preparou uma proposta de infraestrutura bastante ousada para negociação no Congresso e, se aprovada, acredito que servirá de base de investimentos consideráveis para energia limpa”

Os dois ministros também se solidarizaram com as famílias das vítimas da pandemia de Covid-19 nos dois países.

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Revista DBO | Ele quer todo gado na sombra

VEJA os destaques da edição de maio e o Especial Instalações e Equipamentos; na capa, a Agropastoril Campanelli investe em cobertura metálica dos currais e comprova ganho de mais de meia arroba por animal engordado na sombra

Revista DBO | Ele quer todo gado na sombra

VEJA os destaques da edição de maio e o Especial Instalações e Equipamentos; na capa, a Agropastoril Campanelli investe em cobertura metálica dos currais e comprova ganho de mais de meia arroba por animal engordado na sombra

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.