Touro de central Bayer da EAO é valorizado em quase R$ 1,4 milhão

O "Mega EAO Virtual" integrou a programação da 86ª ExpoZebu e movimentou R$ 15,4 milhões com a venda de 321 exemplares duplamente avaliados
Bayer da EAO (Foto: Reprodução / ABS)

A EAO Agropecuária (Uberaba, MG) cumpriu agenda nos dias 8 e 9 de maio para a promoção da rodada dupla “Mega EAO ExpoZebu Virtual”, que integrou a programação 100% eletrônica da 86ª edição da tradicional exposição internacional das raças zebuínas.

Os dois eventos comerciais do premiado criatório mineiro, capitaneado por Maurício Filho, movimentaram R$ 15,4 milhões com a venda de 321 exemplares de genética superior.

As fêmeas Nelore PO genotipadas e pesando 627 kg, em média, abriram a maratona de negócios da EAO na manhã do dia 8. As ofertas incluíram novilhas e matrizes prenhes e paridas, com cria ao pé, avaliadas pelo PMGZ, da ABCZ  (iABCZ 21,87, em média, e todas DECA1), e pelo programa Nelore Brasil, da ANCP (MGTe 23,39 e top 4%, em média).

As 25 doadoras mais destacadas atingiram valorização média de R$ 128.880. Já as 75 fêmeas de produção, em lotes individuais, bateram R$ 40.960, em média, e as 29 reses apresentadas em lotes duplos saíram à média de R$ 28.344. Totalizando 129 animais, a média geral da primeira etapa chegou aos R$ 55.162.

No dia seguinte (9), as negociações envolveram 192 reprodutores genotipados, incluindo também exemplares com Certificado de Superioridade Genética (CSG). Todos os machos saíram avaliados como DECA 1 e Top 4%, em média, aos 30 meses, 808 kg e CE 40. Os 123 touros nos lotes individuais bateram nos R$ 44.792 de média; os duplos, média de R$ 32.271; os triplos à média de R$ 27.000; quádruplos por R$ 29.100 e os lotes quíntuplos, R$ 28.500, em média.

O grande destaque ficou por conta da comercialização de 50% do touro de central Bayer da EAO (848 kg e CE 39), filho de Urânio da EAO em linhagem materna REM Armador. Contratado pela ABS Pecplan em dezembro de 2020, o reprodutor da safra 2018 – Top 0,1% na ANCP (MGTe 32,97) e DECA 1 no PMGZ (iABCZ 27,08) – saiu por R$ 696.000, sendo valorizado em R$ 1,392 milhão.

As leiloeiras Central Leilões e Programa Leilões organizaram os remates, com o apoio da Rancho Leilões e Agreste Leilões. Os leiloeiros rurais João Campo e Luciano Pires se alternaram no comando do martelo durante os pregões, que foram transmitidos pelo Canal Rural, Lance Rural, Remate Web e Estúdio Agreste. Pagamentos: 30 parcelas.

Acompanhe os resultados dos principais pregões de todo o Brasil no Jornal de Leilões

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.