Vendas de etanol sobem na 1ª quinzena de abril impulsionadas pelo mercado interno

Unidades produtoras do Centro-Sul do Brasil venderam cerca de 960,75 milhões de litros no período, avanço de 19,53% na comparação anual

As vendas de etanol pelas unidades produtoras do Centro-Sul do Brasil na primeira quinzena de abril – que marca o início da safra 2021/22 de cana-de-açúcar – totalizaram 960,75 milhões de litros, avanço de 19,53% na comparação com o mesmo período do ano anterior. Os dados foram divulgados nesta terça-feira pela União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica).

O aumento foi causado pelas maiores vendas ao mercado doméstico. Foram vendidos 943,48 milhões de toneladas dentro do País, 23,11% a mais do que um ano antes. Desse total, 650,50 milhões de litros foram do etanol hidratado (avanço anual de 14,67%) e 293 milhões, de anidro (alta de 47,15%). Já as exportações caíram 53,75%, para 17,53 milhões de litros.

O diretor técnico da Unica, Antonio de Padua Rodrigues, diz em comunicado que os volumes ainda são menores do que os pré-covid. “O aumento das vendas no mercado doméstico decorre da competitividade do biocombustível e do maior consumo na comparação com o volume registrado em 2020. Todavia, quando comparamos as vendas com a safra 2019/2020, quando não havia o efeito da COVID-19, ainda observamos retração no volume comercializado domesticamente, com queda de 3,28% para o etanol anidro e de 25,46% para o etanol hidratado”, afirma.

A entidade destaca ainda que a venda de etanol destinado a outras finalidades caiu 32,94% na quinzena, chegando a 36,54 milhões de litros.

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Revista DBO: Comida feita em casa

VEJA os destaques da edição de maio e o especial Instalações e Equipamentos; na capa, a alta nos custos da nutrição incentivam pecuaristas para investimentos em fábrica de ração

Revista DBO: Comida feita em casa

VEJA os destaques da edição de maio e o especial Instalações e Equipamentos; na capa, a alta nos custos da nutrição incentivam pecuaristas para investimentos em fábrica de ração

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.