Vendas de seguro pecuário da Mapfre crescem 23% no 1º sem

Segundo a empresa, pouco mais de 1% do rebanho brasileiro conta com proteção

A Mapfre registrou no primeiro semestre aumento de 23% na venda de seguro pecuário, que cobre a vida do animal. Em nota, a empresa diz que a alta reflete a maior contratação de crédito rural para custeio e investimento. Para a Mapfre, há potencial no segmento.

A empresa cita dados do Ministério da Agricultura, de que dos 214 milhões de cabeças que formam o rebanho pecuário, pouco mais de 1% conta com proteção.

Continue a leitura após o anúncio

“Este cenário indica novas oportunidades de crescimento no setor. Acreditamos ainda que essa modalidade de seguro oferece ao produtor uma importante ferramenta para mitigação de risco e proteção necessária para se dedicar à sua atividade e garantir a continuidade do negócio em caso de morte do animal por risco coberto”, disse, em nota, a diretora de Seguros Gerais da Mapfre, Patricia Siequeroli.

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.