[full-banner-1170-x-134-home-geral1]

Revista DBO | Tarumaxi, um trigo somente para pastejo

Cultivar lançada em março pela Embrapa garante até 12 pastejos em sistema rotacionado e constitui excelente opção para cultivo no outono-inverno

Lote em pasto de trigo específico para pastejo no RS.

Por Ariosto Mesquita

Uma cultivar de trigo voltada exclusivamente para pastejo prolongado (abril a outubro), durante o inverno na Região Sul, e para sistemas de integração lavoura-pecuária. Esta é a proposta da BRS Tarumaxi, forrageira lançada oficialmente em março deste ano pela Embrapa Trigo (Passo Fundo, RS), como uma evolução de sua antecessora, a BRS Tarumã, há quase duas décadas no mercado brasileiro. A novidade foi validada, por enquanto, para os Estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina (biomas Mata Atlântica e Pampa).

No entanto, a Embrapa vem acenando com a possibilidade de extensão de uso para o Paraná, onde alguns produtores já testam o trigo em pequenas áreas. Durante avaliações científicas entre 2017 e 2019, a Tarumaxi produziu, em média, 1.301 kg de MS/ha e suportou 12 pastejos em sistema rotacionado. Os números da Tarumã (cultivar usada como testemunha) foram de 1.151 kg/MS/ha e 10 pastejos.

 

Para continuar lendo é preciso ser assinante.

Você merece este e todo o rico conteúdo da Revista DBO.
Escolha agora o plano de assinatura que mais lhe convém.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Se já é assinante, entre com sua conta

This post is only available to members.
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Pocket
WhatsApp
Skype
Email
Telegram
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Pocket
Email
Tumblr
Print
2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.