Aquisição de couro sobe 2,6% no 2º trimestre ante 2º trimestre de 2020, diz IBGE

O Mato Grosso lidera o recebimento de peças de couro cru para processamento, com 16,3% da participação nacional

No segundo trimestre de 2021, os curtumes investigados pela Pesquisa Trimestral do Couro – aqueles que efetuam curtimento de pelo menos cinco mil unidades inteiras de couro cru bovino por ano – declararam ter recebido 7,51 milhões de peças inteiras de couro cru, uma expansão de 2,6% em relação ao mesmo trimestre de 2020.

Na comparação com o primeiro trimestre de 2021, houve alta de 6,2%, segundo os resultados das Pesquisas Trimestrais do Abate de Animais, do Leite, do Couro e da Produção de Ovos de Galinha, divulgados nesta sexta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

“Apesar do crescimento, a aquisição ainda está próxima aos níveis observados nos resultados trimestrais obtidos em 2003, por conta da redução de bovinos disponíveis para o abate no período”, apontou o IBGE.

A aquisição de 191,79 mil peças a mais no segundo trimestre de 2021 ante o segundo trimestre de 2020 é proveniente de aumentos em nove das 19 Unidades da Federação participantes da pesquisa, entre elas o Paraná (+109,83 mil peças), Rio Grande do Sul (+97,98 mil), Pará (+52,13 mil) e Mato Grosso (+42,07 mil). As reduções mais significativas ocorreram em Rondônia (-154,98 mil), Goiás (-25,55 mil) e São Paulo (-17,41 mil).

VEJA TAMBÉM | Abate de bovinos cai 4,4% no 2º trimestre ante 2º trimestre de 2020, diz IBGE

O Mato Grosso lidera o recebimento de peças de couro cru para processamento, com 16,3% da participação nacional, seguido por Mato Grosso do Sul (13,5%) e Paraná (11,6%), que passou a figurar na posição anteriormente ocupada por São Paulo (10,7%).

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Revista DBO | Monta curta acelera produtividade

CONFIRA os destaques da edição de setembro da Revista DBO e o ‘Especial Genética e Reprodução’; na capa, veja como duas fazendas de ciclo completo se tornaram modelo de ‘fábrica ideal de produção de bois’

Revista DBO | Monta curta acelera produtividade

CONFIRA os destaques da edição de setembro da Revista DBO e o ‘Especial Genética e Reprodução’; na capa, veja como duas fazendas de ciclo completo se tornaram modelo de ‘fábrica ideal de produção de bois’

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.