Carne bovina: Depois de 50 anos, China pode virar maior cliente da Austrália

País asiático está prestes a ultrapassar Japão e EUA no ranking anual dos maiores importadores de carne bovina australiana

Nos últimos 50 anos, apenas os Estados Unidos e o Japão disputaram a posição de maiores clientes anuais dos exportadores de carne bovina da Austrália. No entanto, a China está bem próxima – são apenas dois meses para o fim de 2019 – de se tornar o cliente “número um” em volume embarcado, considerando os 12 meses do ano, segundo artigo publicado pelo portal australiano Beef Central.

Seria impossível compreender esse marco histórico lá no início do ano, diz o texto, mas a epidemia da peste suína africana (ASF, na sigla em inglês) na China mudou radicalmente a conjuntura do comércio internacional de carnes (incluindo a bovina). Nos últimos quatro meses, os embarques australianos para a China excederam os do Japão. Em outubro, o gigante asiático comprou 30.724 toneladas de carne bovina da Austrália, volume mensal recorde e 7,6% acima do registrado em setembro. “Os volumes de outubro foram quase o dobro do observado na mesma época no ano passado”, ressalta o artigo.

Nos dez meses encerrados em outubro, a China importou 231.577 toneladas de carne bovina australiana, quase 100.000 toneladas, ou 75%, acima da quantidade verificada em igual período de 2018. Enquanto o Japão permanece na frente da China no calendário anual, os importadores chineses estão, rapidamente, diminuindo essa diferença, acrescenta o texto. Os japoneses compraram, até outubro, 242.553 toneladas de carne bovina australiana – ainda cerca de 11.000 toneladas na frente da China. As exportações mensais de outubro para o Japão atingiram 25.058 toneladas, 5.700 toneladas atrás do volume embarcado para a China.

No entanto, impulsionada pela alta demanda associada às celebrações do Ano Novo Chinês (no próximo ano, em 25 de janeiro), a China poderá facilmente ultrapassar o comércio com o Japão até o final do ano de exportação, em 31 de dezembro.

Já os Estados Unidos, que por um logo período nas últimas três décadas têm sido o maior cliente de carne bovina da Austrália, inevitavelmente terminarão o ano de 2019 ficando atrás do Japão e da China, considerando o volume embarcado. As exportações de outubro para os EUA atingiram 21.843 toneladas, 9% a mais que no mesmo período do ano passado, enquanto o volume acumulado até o momento é de 209.326 toneladas, um aumento de 5% em relação ao ano passado.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no pocket
Pocket
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no skype
Skype
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no pocket
Pocket
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no tumblr
Tumblr
Compartilhar no print
Print

Notícias relacionadas:

[banner-link-364-x-134-home-geral1]

[banner-link-364-x-134-home-geral2]

[banner-link-364-x-134-home-geral3]

TV DBO

A DBO Editores Associados, fundada em junho de 1982, sempre se caracterizou como empresa jornalística totalmente focada na agropecuária. Seu primeiro e principal título é a Revista DBO, publicação líder no segmento da pecuária de corte. O Portal DBO é uma plataforma digital com as principais notícias e conteúdo técnico dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Todos direitos reservados @ 2019 | Rua Dona Germaine Burchard, 229 | Bairro de Perdizes, São Paulo-SP

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
×
×

Carrinho

Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Encontre o que você procura: