China abre mercado para carne bovina do Reino Unido

Acordo entre os dois países põe fim a 20 anos de proibição

A China finalizou os detalhes de um acordo comercial histórico com o Reino Unido, abrindo o caminho para indústria britânica também explorar o promissor mercado chinês de carne bovina – cuja demanda ganhou extrema força após o surto de peste suína africana na Ásia.

As primeiras remessas de carne do Reino Unido devem ser embarcadas nos próximos meses, segundo expectativa dos exportadores britânicos.  A indústria britânica de carne bovina deve se beneficiar de um aumento estimado 230 milhões de libras esterlinas ao longo dos próximos cinco anos.

Continue a leitura após o anúncio

O acordo, anunciado em junho último e finalizado na semana passada, marca o fim de uma proibição de 20 anos imposta pelo governo chinês após o registro de surto de vaca louca (encefalopatia espongiforme bovina) no Reino Unido, em 1996. Atualmente, a China é o oitavo maior mercado de exportação de alimentos e bebidas do Reino Unido, com mais de 610 milhões de libras em produtos comprados por consumidores chineses no ano passado.

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Conteúdo original Revista DBO