Embrapa: custos de produção de suínos e frangos de corte recuam pela 1ª vez no ano

Os estados de Santa Catarina e Paraná são usados como referência nos cálculos por serem os maiores produtores de suínos e de frangos de corte, respectivamente

Os custos de produção de frangos de corte e de suínos tiveram em abril a primeira redução no ano de 2022 segundo os estudos publicados pela CIAS, a Central de Inteligência de Aves e Suínos da Embrapa.

O ICPFrango baixou 3,22% no mês de abril em relação a março, fazendo o índice recuar aos 431,89 pontos. Já o ICPSuíno caiu 5,20% no mesmo período, chegando aos 428,55 pontos.

A queda no ICPFrango foi influenciada pela variação de -3,35% nas despesas operacionais com a alimentação das aves, que representou 75,8% do custo total de produção.

Com isso, o custo de produção do quilo do frango de corte vivo no Paraná, produzido em aviário tipo climatizado em pressão positiva, baixou R$ 0,19 em abril com relação a março, chegando aos R$ 5,58. De janeiro até abril, o ICPFrango acumula alta de 7,03%.

Fonte: Embrapa Suínos e Aves

No ICPSuíno, a baixa também foi causada principalmente pela influência dos gastos com nutrição (-5,86%).

O custo total de produção por quilograma de suíno vivo produzido em sistema tipo ciclo completo em Santa Catarina caiu R$ 0,41 no mês, chegando aos R$ 7,49. Agora, nos primeiros quatro meses do ano, o ICPSuíno acumula 7% de alta.

Os estados de Santa Catarina e Paraná são usados como referência nos cálculos por serem os maiores produtores nacionais de suínos e de frangos de corte, respectivamente.

VEJA TAMBÉM | Cepea: preços dos ovos reagem no início deste mês

Os custos de produção são uma referência para o setor produtivo. Assim, os resultados publicados na CIAS são derivados de coeficientes de produtividade pré-fixados, variando mensalmente apenas o preço dos insumos e fatores de produção.

Além disso, suinocultores independentes e avicultores sob contratos de integração devem acompanhar a evolução dos seus próprios custos de produção.

Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Revista DBO | Ele quer todo gado na sombra

VEJA os destaques da edição de maio e o Especial Instalações e Equipamentos; na capa, a Agropastoril Campanelli investe em cobertura metálica dos currais e comprova ganho de mais de meia arroba por animal engordado na sombra

Revista DBO | Ele quer todo gado na sombra

VEJA os destaques da edição de maio e o Especial Instalações e Equipamentos; na capa, a Agropastoril Campanelli investe em cobertura metálica dos currais e comprova ganho de mais de meia arroba por animal engordado na sombra

Publieditorial

2742961

Newsletters DBO

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.