Menu
Menu

Demanda japonesa por carne supera a oferta local

Com aumento de consumo, Japão eleva importações e oferece incentivos à atividade pecuária

O Japão está se esforçando para atender à crescente demanda interna por carnes em meio à queda contínua na produção local, segundo reportagem desta terça-feira da GlobalMeatNews. Diante de tal cenário, as importações japonesas de proteínas de origem animal são cada vez mais crescentes, enquanto o governo trabalha para oferecer incentivos de apoio à pecuária local.

Reconhecido mundialmente pelos altos valores pagos à carne bovina importada, o Japão continua fora do alvo dos exportadores do Brasil, que são impedidos de vender carne bovina in natura ao país asiático, pela grande dificuldade em fechar um acordo sanitário com governo de Tóquio.

O consumo japonês de carnes (bovina, suína, frango e cordeiro) está em alta nos últimos anos, chegando a 89,7g per capita/ano, o que representa um aumento de quase 18% em relação ao patamar registrado há 20 anos, segundo dados do Ministério da Agricultura, Florestas e Pescas do Japão. Além disso, a população está gastando mais com carnes, apesar de reduzir o desembolso com alimentos em geral.

Segundo a Agriculture & Livestock Industries Corporation (ALIC), o maior apetite dos japoneses pelas carnes reflete o crescimento econômico do país, além das mudanças no perfil dos consumidores – aumento de vendas de alimentos em lojas de conveniência (destinadas sobretudo para uma população envelhecida); mais famílias gastando com refeições rápidas (prontas para consumo); mais mulheres em empregos remunerados; e um número cada vez maior de pessoas que optam pelas refeições fora do lar.

Ainda de acordo a reportagem da GlobalMeatNews, “a baixa produção local de carne bovina deve-se à queda do número de bovinos leiteiros, devido à falta de laticínios, além da ocorrência da febre aftosa, dos efeitos do Grande Terremoto do Leste do Japão e do incidente nuclear em 2011”.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on skype
Skype
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on email
Email
Share on tumblr
Tumblr
Share on print
Print

Veja também:

Um panorama da pecuária do norte do MT

Última etapa do “Acrimat em Ação 2019”, acompanhada por DBO, visitou municípios do norte do MT, onde os pecuaristas lidam com estradas ruins e insumos caríssimos. Em alguns locais, o valor do calcário é quase proibitivo. 

Você precisa adquirir uma de nossas assinaturas.

Invista no básico bem feito

Pecuaristas, mesmo tecnificados, ainda pecam no manejo por não fazer planejamento, estabelecer metas e criar calendário de ações.

Café com frio

Especialista dá dicas de como evitar problemas com o frio no cafezal, cultura que gosta de “cabeça quente e pés frios”

SOBRE A MÍDIA DBO

A DBO Editores Associados, fundada em junho de 1982, sempre se caracterizou como empresa jornalística totalmente focada na agropecuária. Seu primeiro e principal título é a Revista DBO, publicação líder no segmento da pecuária de corte. O Portal DBO é uma plataforma digital com as principais notícias e conteúdo técnico dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da cobertura dos leilões de todo o Brasil.

ANUNCIE DBO

Acompanhe aqui o vídeo da edição mais recente da Revista DBO. Para ver os destaques das outras edições, basta clicar aqui.

ASSINE A REVISTA DBO

Revista DBO Ligue grátis: 0800 110618 (Segunda a sexta, das 08h00 às 18h00)

2018 DBO - Todos os direitos reservados

×
×

Carrinho